Evangelista é brutalmente assassinado na Índia

Evangelista é brutalmente assassinado na Índia

Atualizado: Segunda-feira, 10 Maio de 2010 as 10:49

Um evangelista foi brutalmente assassinado no Estado de Bihar, leste da Índia, enquanto voltava para casa. O International Christian Concern, grupo de direitos humanos, relatou que Ravi Murmu e membros de sua equipe estavam voltando para casa quando ele se separou do grupo para pegar um atalho. Após buscas do desaparecimento do jovem, o corpo foi encontrado com a mão direita decepada e cortes profundos no pescoço e em outros locais. Roubo, aparentemente, não foi o motivo, porque os atacantes do incidente, que ocorreu em Laxmanpur, não levaram qualquer dos pertences do evangelista, inclusive a sua moto, o celular e o relógio. O irmão da vítima, que também é um evangelista, foi questionado sobre como a família está lidando com o assassinato. "A paz de Deus ainda reina nesta casa e nesta família", relatou. Ravi Murmu foi um evangelista que trabalhava na obra, juntamente com os irmãos da Igreja, segundo um site indiano. A violência religiosa, que muitas vezes está ligado ao sistema de castas do hinduísmo tradicional, é um problema crônico no estado. Mais de 80% dos indianos são hindus. Duas pessoas suspeitas foram detidas pela polícia. Murmu deixa esposa, uma filha de oito anos de idade e sua mãe viúva.

veja também