Igreja oferece serviços gratuitos a bairro carente: “Devemos sair das quatro paredes”

O 6º ACAP (Ação Comunitária Adventista da Promessa) ofereceu serviços gratuitos para moradores de Hortolândia, no interior de São Paulo, com a visão de servir a comunidade.

fonte: Guiame, Marcos Corrêa e Luana Novaes

Atualizado: Quinta-feira, 19 Setembro de 2019 as 10:33

O 6º ACAP ofereceu serviços gratuitos para moradores do bairro Jardim Amanda, em Hortolândia. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)
O 6º ACAP ofereceu serviços gratuitos para moradores do bairro Jardim Amanda, em Hortolândia. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)

Os moradores do bairro Jardim Amanda, em Hortolândia (SP), tiveram acesso à serviços gratuitos oferecidos no último domingo (15) pelo 6º ACAP (Ação Comunitária Adventista da Promessa).

A ação social promovida pela Igreja Adventista da Promessa, que visava atender cerca de 2 mil pessoas, ofereceu serviços como consultoria com advogados, exame oftalmológico, corte de cabelo, aconselhamento familiar, recreação infantil e outras atividades.

Alessandra Silva é uma das moradoras da região que marca presença no ACAP todos os anos. “É bom para as pessoas que precisam, porque nem todo mundo tem condição. É um dia diferente. É um dia que todo mundo vem e participa”, disse ela ao Guiame.

Fabiano Domingues participou da ação pela primeira vez e disse que foi beneficiado. “É bom porque tem muitos serviços de saúde, é bom para as crianças. O atendimento é nota 10”, afirmou.

Segundo o pastor Antônio Marrocos, coordenador do ACAP em Hortolândia, os moradores do bairro aguardam pelo evento todos os anos. “A cada ano melhora mais e há uma integração maior entre a igreja, a comunidade e as autoridades”, explica.


Pastor Antônio Marrocos, coordenador do ACAP em Hortolândia [à direita]. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)

O secretário de Governo de Hortolândia, Carlos Augusto César, mais conhecido como Cafu, destaca que a parceria entre igreja e sociedade é fundamental. O ACAP já faz parte da programação da prefeitura, que contribui cedendo uma escola pública e profissionais na área judicial e civil.

“Desde a primeira ação da ACAP, a prefeitura esteve presente. Isso é fundamental, primeiro pela relação que nós temos com a ACAP, que executa um trabalho bonito na cidade; segundo, por ser o jardim Amanda um dos maiores e mais carentes bairros da cidade”, disse Cafu, que representava o prefeito Angelo Perugini na ocasião.

Ação social com propósito

De acordo com o pastor Nelson Leal, sargento da Polícia Militar e coordenador geral do ACAP, a visão da ação é integrar a igreja com a comunidade. “Nos alegramos em ver o público participar, sem o objetivo de mostrar a doutrina ou placa da igreja. Nosso objetivo é fazer o que Jesus nos pede: amar o próximo como a nós mesmos”, disse ao Guiame.

Além de promover integração com a comunidade, ações como esta levam a Igreja a entender o conceito de “missão integral”, segundo o pastor Osmar Pedro da Silva, diretor da Junta Mundial de Missões da Igreja Adventista da Promessa.


Crianças tiveram atividades de recreação durante a programação do ACAP. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)

“A igreja no templo atende o que diz respeito ao alimento da alma e do espírito através da Palavra, do louvor, da adoração e do entendimento do Evangelho. Mas aqui, ela pode dar às pessoas o que elas necessitam na prática diária de sua vida. Um trabalho de assistência social como esse vai levar a igreja a entender esse conceito de missão integral”, esclarece Silva.

O pastor também acredita que ações sociais também contribuem para o sentido de propósito. “Há muitos jovens que ainda não encontraram o significado da vida, e esse trabalho de servir a comunidade traz significado. Isso é fundamental para que a igreja possa entender o propósito de Deus para a vida dela, que é fazer a diferença, ser sal e ser luz”, completa.

Desde a primeira edição, o pastor Antônio Marrocos diz que sua principal motivação para o ACAP é o amor de Cristo. “Eu vejo que, muitas vezes, as pessoas são sofridas. O que me motiva é o amor ao próximo, é fazer aquilo que a Palavra nos manda, sair das quatro paredes e fazer esse trabalho em prol da sociedade. Mais importante: nunca pensando em troca, pensando sempre em ajudar, como um bom samaritano”.


O 6º ACAP ofereceu serviços gratuitos para moradores do bairro Jardim Amanda, em Hortolândia. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)

Há quatro anos, a vereadora Simone Betini (PDT) apoia o projeto que, segundo ela, “nasceu no coração de Jesus”. “Esse projeto é para dar à nossa população um dia feliz, é um projeto de amor ao próximo”, disse ao Guiame. “Deus levantou pessoas nessa cidade para fazer a diferença”.


Autoridades de Hortolândia e líderes religiosos estiveram presentes na abertura do 6º ACAP. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)


O 6º ACAP ofereceu serviços gratuitos para moradores do bairro Jardim Amanda, em Hortolândia. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)


A banda municipal de Hortolândia se apresentou ao público do evento. (Foto: Guiame/Marcos Corrêa)

veja também