Igreja tem papel fundamental em Moçambique

Igreja tem papel fundamental em Moçambique

Atualizado: Segunda-feira, 25 Outubro de 2010 as 1:40

Mais do que nunca a igreja de Cristo em Moçambique precisa assumir sua grande responsabilidade como luz e anunciadora da salvação em Jesus. A missionária Otília da Silva conta que recentemente assistiu a cenas tristes e desagradáveis de tumultos, greves e saques que culminaram em mortos e feridos.

No dia 7 de setembro, a missionária conta que o governo se posicionou a favor do povo e anunciou medidas para reduzir o custo de vida, já que são muitos os atingidos pela fome. Essa é uma data importante também em Moçambique, assim como é no Brasil. É nesse dia que os moçambicanos comemoram o Dia do Acordo de Lusaka, tratado assinado em 1962 e que trouxe a paz a vários países da África Austral.

“Nesses últimos dias, ouvi pessoas do governo chamando a atenção da igreja para o seu real papel. Já temos muitas igrejas e obreiros de visão fazendo a obra, mas, infelizmente, ainda são muito poucos. Orem por Moçambique, para que o nosso Deus possa reinar nessa nação”, clama a missionária Otília.

O trabalho para o fortalecimento da igreja moçambicana é árduo e contínuo. No mês de agosto, a missionária levou o projeto Consolo e Tenda da Esperança à cidade de Chokwe. Ela também esteve em uma igreja da aldeia Chinhacanine, que fica a 30 km de Chokwe. Durante as visitas foram realizadas palestras na área de saúde, treinamentos de líderes e evangelização. O resultado, segundo a missionária, foram mais de 300 crianças orientadas sobre higiene oral, 40 participantes no treinamento para líderes e cerca de 400 pessoas alcançadas pela Palavra de Deus, das quais muitas aceitaram a Jesus como seu Salvador e Senhor.  

veja também