Jovens se dedicam ao Evangelho no Congo

Jovens se dedicam ao Evangelho no Congo

Atualizado: Segunda-feira, 14 Fevereiro de 2011 as 11:06

No passado, a juventude na República Democrática do Congo não era muito receptiva ao Evangelho. Mas, nos últimos meses a realidade começou a mudar. Nada aconteceu politicamente ou economicamente para tornar o país mais esperançoso. Mas por alguma razão, "Deus abriu as janelas para o Evangelho brilhar", como afirma Sam Vinton, da Grace Ministries International (GMI). "Nos últimos anos, trabalhando com os jovens, realmente via muito pouco resultado. Mas agora é diferente", comemora.

Através do trabalho da GMI em escolas locais, mais de 100 mil já viram o filme evangelístico "Godman". Esses números já superam em muito as expectativas do Ministério. "A única coisa que realmente me impressiona agora, a partir do relatório enviado a partir do que aconteceu no ano passado,  é o número adicional de alunos que foram levados à fé em Cristo, nas aulas de religião real, capelas e serviços da escola: cerca de 2.700 estudantes".

Mais interessante é a maneira que Deus realmente transforma esses alunos. "Animados, não só para receberem, mas para dar a mensagem do Evangelho, 66 alunos de quatro igrejas se uniram para angariar dinheiro suficiente para chegarem a uma ilha próxima e evangelizar. Foram 500 horas de trabalho, mas os alunos finalmente reuniram o dinheiro que precisavam para ir ao campo missionário", disse.

Os alunos passaram quatro dias na ilha, fazendo evangelismo de casa em casa, bem como a realização de uma reunião ao ar livre, o que resultou em 32 vidas para o Reino. Ao final, as crianças não estavam apenas felizes com o que Deus tinha feito, mas confiante no que Ele pode fazer com eles no futuro.

"O importante foi ver os jovens dispostos a ir lá, passar quatro dias nesta ilha, levando o Evangelho, voltar e dizer: Deus pode nos usar, mesmo sem termos muito", explica Vinton.

veja também