Missionário relata experiência na Itália

Missionário relata experiência na Itália

Atualizado: Terça-feira, 14 Junho de 2011 as 2:53

O missionário voluntário Pr. Manoel Alves Vasconcelos, presidente da Igreja Batista Missionária, em São Luís/Maranhão, escreveu à Junta de Missões Mundiais sobre sua viagem à Itália realizada no período de 28 de fevereiro a 25 de maio. Leia a seguir o resumo do relatório em que o pastor fala sobre a edificante experiência que é servir ao Senhor em um campo missionário.

“Cheguei em Milão no dia 1º de março de 2011 e fui recepcionado pelo Pr. Manoel Florêncio. Juntos passamos os primeiros dias pedindo a Deus um direcionamento para o meu tempo na Itália.

Preguei dois domingos na Igreja Batista de Brescia, um domingo em Treviso e estive em Mântova para divulgar o projeto missionário que aconteceu em Casorate Primo. Em Cesena, onde está o Pr. Fabiano Nicodemo, participei de uma reunião com vários pastores. Almoçamos com o Pr. Gerson Tomaz, que está na Romênia, e sugerimos-lhe que plante uma igreja batista na cidade italiana de Bologna, onde há muitos anos foi fechada a PIB da Itália. Este é um dos motivos das minhas orações.

Acompanhei o Pr. Manoel Florêncio e mais dois pastores em uma viagem às fronteiras da Itália para clamarmos por um novo tempo para o Reino de Deus no Norte do país. Em cada fronteira havia um derramar da glória do Senhor em nós. Em todas as fronteiras concluímos nossas orações de joelhos; assim aconteceu nas fronteiras com a Suíça, França, Eslovênia e Áustria. Oramos também no centro da cidade de Torino (conhecida, infelizmente, como a Capital do Satanismo na Itália). Declaramos falência para todo o domínio de Satanás ali, e declaramos que um novo tempo para o Reino de Deus é chegado para aquele país.

Minha maior concentração foi com a Igreja Batista de Casarote Primo. Estive envolvido em quatro ações: treinamento “Conhecendo os Princípios de uma Igreja com Propósitos”; treinamento de Igrejas em Células; organização da Congregação Batista da Igreja de Casorate na cidade de Spino D’adda e na parceria com a Missão Dalaías para a realização da Sfida Radicale, projeto missionário que aconteceu entre os dias 19 e 22 de maio, reunindo 120 missionários voluntários dos cinco continentes. Durante a realização deste projeto, 58 pessoas entregaram suas vidas para Cristo.

No dia 25 de maio voltei para o meu Brasil com um sentimento de dever cumprido. Agradeço à JMM que me enviou como voluntário, ao casal missionário em Milão, Pr. Manoel e Raquel Florêncio, que me acolheu com muito carinho nesses três meses.”

Pr. Manoel Vasconcelos – presidente da Igreja Batista Missionária, em São Luís/Maranhã  

veja também