Missionários da IPB atuam no país da "jabulani"

Missionários da IPB atuam no país da "jabulani"

Atualizado: Terça-feira, 29 Junho de 2010 as 11:55

O mundo de olho na África do Sul. Entre tantas expectativas, missionários presbiterianos que atuam na África do Sul também estão "de olho" para aproveitar as oportunidades e evangelizar.

Rev. Gessé Almeida Rios, sua esposa Iolanda, e filhos Guilherme, Philipe e Leonardo, são missionários da APMT, Agência Presbiteriana de Missões Transculturais, e atuam na África do Sul .

Rev. Gessé e a família

No ano da Copa do Mundo na África, é praticamente impossível viver o dia-a-dia sem perceber a festa e a agitação que tomou conta do país. "A distribuidora de imagens do evento SABC, adotou o seguinte slogan: "Feel it! it's here!" ( Sinta isso! Está aqui). De fato, não da para não sentir que a copa está aqui", revela Rev. Gessé.

A família missionária vive a Copa do Mundo como os sul-africanos, envolvendo-se com orações e atuando efetivamente na organização, como é o caso do filho mais velho do casal Gessé e Iolanda, como relata o missionário. “Meu filho Guilherme está trabalhando como voluntário da FIFA no período da Copa, na área administrativa, no centro de produção e distribuição da imagem televisiva para o mundo”.

O momento tem sido aproveitado pela família dos missionários, bem como por igrejas locais, para expandir a mensagem do Reino de Deus, principalmente entre refugiados que estão na África do Sul. "As igrejas da cidade organizaram um dia de oração no mês de abril onde todos nós participamos. Foi um momento muito especial para orarmos pelo país hospedeiro e pelas nações que participam do evento. Estaremos transmitindo a maioria dos jogos no salão da igreja e convidaremos os amigos refugiados para assistirmos juntos. No intervalo dos jogos apresentaremos testemunhos de atletas cristãos, além de distribuirmos folhetos evangelísticos. Recentemente estamos trabalhando com mais um dois refugiados do Congo, Kimbangu-Kiamgani Simon e Liver Vatusidi. Simon era jogador de futebol profissional em seu país, e Vatussidi sonha em ser fotógrafo profissional", explica Rev. Gessé.

Em julho deste ano de 11 a 17, será realizado em Curitiba, Paraná, a 37ª Reunião Ordinária do Supremo Concílio, e a IPB convidou representantes da Igreja Presbiteriana da África do Sul para participarem como observadores internacionais, como afirmou o Reverendo. "Alegramo-nos mais ainda pelo Rev. Mike Muller, pastor da Igreja Presbiteriana do Kenilworth, e mais dois representantes por terem sido nomeados pela igreja Presbiteriana da África do Sul para participarem dessa reunião".

Na carta enviada pelo Rev. Gessé e sua família, os missionários compartilham as conquistas, desafios e necessidades do campo missionário.

No site da APMT, é possível encontrar mais informações sobre os missionários que atuam fora do país www.apmt.org.br

Por Cibele Lima e Emma Castro

veja também