Índia: Novos cristãos ameaçados de morte

Índia: Novos cristãos ameaçados de morte

Atualizado: Quarta-feira, 13 Janeiro de 2010 as 12

Segundo informações divulgadas pela agência de notícias International Christian Concern, muçulmanos fanáticos em Nutangram, Bengala Ocidental, na Índia, atacaram os cristãos que haviam se convertido do islamismo e ameaçaram queimá-los vivos se não voltassem para sua religião anterior. Os fanáticos agrediram verbalmente os membros do Khoda-E- Jamat Ibadat Khana (Centro de adoração/ Igreja para ex-muçulmanos) e também ameaçaram incendiar suas casas.

Os muçulmanos também organizaram um boicote social contra os cristãos e forçaram todos os comerciantes da região a não vender nada para os cristãos e não permitir que eles tivessem acesso à água. Eles também disseram para que os familiares muçulmanos não permitissem que os parentes cristãos usassem o banheiro.

Para tentar evitar o pior, os cristãos registraram uma queixa na delegacia de Nurshidabad. Quando visitaram o local, viram que eles falavam a verdade. Segundo uma fonte do grupo cristão, o último ataque deixou os 100 membros da igreja abalados. Depois que a polícia conversou com os agressores e os alertou a não perturbarem novamente os cristãos, a região voltou a ficar em paz.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também