ONG alerta para cuidados com crianças nas estradas e com brinquedos em ovos

ONG alerta para cuidados com crianças nas estradas e com brinquedos em ovos

Atualizado: Segunda-feira, 18 Abril de 2011 as 4:26

O organização não governamental Criança Segura reuniu dicas para o período de Páscoa. De acordo com a OBG, com o feriado prolongado, as crianças podem estar mais expostas a diversos riscos de acidentes em casa e nas estradas. Somente em 2008, 5.106 crianças morreram e 109.241 foram hospitalizadas vítimas de acidentes de acordo com o Ministério da Saúde.

Os acidentes de trânsito são a principal causa de mortes, entre todas as outras lesões não-intencionais, de crianças e adolescentes de até 14 anos. A proteção pode ser dada ao transportar as crianças em cadeirinhas de segurança instaladas corretamente no banco de trás. O dispositivo de retenção deve ser adequado ao peso e altura da criança e não somente à idade e é obrigatório em todo território nacional desde setembro de 2010, segundo a Resolução 277 do Conselho Nacional de Trânsito. Bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação devem conter o selo do Inmetro e podem reduzir o risco de morte em 71% em caso de acidente, de acordo com estudos americanos. Portanto, na estrada ou na cidade, a criança deve sempre ser transportada na cadeirinha.

Os brindes que vêm dentro dos ovos de Páscoa também podem gerar riscos. De acordo com a ONG, é preciso verificar se há selo do Inmetro e para qual faixa etária o brinquedo é indicado. Peças pequenas podem se soltar e ser engolidas por crianças pequenas, causando sufocação. Outro cuidado está ligado aos materiais utilizados na fabricação dos brinquedos, que devem ser atóxicos.  

veja também