Orfanato cristão é fechado; líderes são expulsos do país

Orfanato cristão é fechado; líderes são expulsos do país

Atualizado: Quarta-feira, 10 Março de 2010 as 12

A agência de notícias International Christian Concern foi informada de que o orfanato Voice of Hope em Ain Leuh, Marrocos, recebeu uma ordem de fechamento do governo.

Os 20 exilados que conduziam o orfanato foram ordenados a sair do país no prazo de três dias. O motivo explicado pelos oficiais é de que os funcionários têm convertido as crianças ao cristianismo.

O orfanato Voice of Hope foi fundado há 10 anos, e cuida das crianças abandonadas pelos pais e pela sociedade. Mais de 30 crianças moravam lá, algumas, desde a sua fundação. Sem o orfanato, o futuro dessas crianças será triste: vivendo nas ruas ou em um dos ''enormes'' orfanatos do governo.

A ordem de fechamento veio sem aviso prévio. ''Sempre fomos abertos em relação a nossa religião para as autoridades'', diz Chris Broadbent, gerente de recursos humanos no orfanato. ''Ver as crianças sendo avisadas que teriam que ir embora, que nunca mais nos veríamos de novo, é o pior sentimento que eu já vi. É uma vergonha e uma desgraça para os líderes do Marrocos''.

Esse é o mais recente acontecimento em uma série de ações similares tomadas pelo governo do Marrocos. No dia 4 de fevereiro, as autoridades invadiram uma reunião cristã em Asmis, prendendo 18 e deportando um estrangeiro.

veja também