País lidera o ranking de perseguidores de cristãos pelo 11º ano consecutivo

Coreia do Norte é o pais que mais persegue cristãos

Atualizado: Segunda-feira, 9 Janeiro de 2012 as 2:56

De acordo com a lista de classificação de países perseguidores de cristãos no mundo, publicada pela “Missão Portas Abertas”, A Coreia do Norte lidera o ranking pelo 11º ano consecutivo.


Afeganistão (2º), Arábia Saudita (3º), Somália (4º), Irã (5º) e as Maldivas (6º) formam o grupo onde os cristãos não tem quase nenhuma liberdade de culto. O Pasquistão (10º) entrou no Top 10 pela primeira vez, justificado pelo fato de que o ministro cristão Shahbaz Bhatti ter sido assassinado por tentar alterar a Lei da Blasfêmia no país.


Uzbequistão (7º), Iêmen (8º) e Iraque (9º), completam o top 10.


A Coreia do Norte é um país comunista com uma religiosidade baseada em seu antigo líder, Kim II-Sung. Qualquer pessoa que preste culto a qualquer outro Deus é automaticamente perseguido no país.
“Com a morte de Kim Jong-Il no mês passado e com seu filho, Kim Jong-Un, assumindo o poder, é muito difícil determinar como será a vida dos cristãos nessa nova fase’, disse o presidente da Portas Abertas nos EUA, Carl Moeller.


“Certamente, a situação permanece perigosa para os cristãos, por isso devemos orar pela Coreia do Norte, para que todos os cristãos posam ter a liberdade de adorar ao Único Deus, e não a Kim Jong-Il e Kim Il-Sung”, enfatizou.


“Portas Abertas” ressalta que a boa notícia é o crescimento da Igreja que está sofrendo com a perseguição. Um pastor do Irã afirma: “Nós não estaríamos crescendo se não tivéssemos pagando o preço pelo nosso testemunho.”

veja também