Pastor agente do FBI leva colegas a Jesus e planta igreja nos Estados Unidos

Vic Carpenter começou um estudo bíblico no trabalho que cresceu para uma igreja liderada por agentes.

Fonte: Guiame, com informações de Kentucky TodayAtualizado: segunda-feira, 28 de março de 2022 18:39
Vic Carpenter levou muitos colegas agentes a Cristo. (Foto: Vic Carpenter).
Vic Carpenter levou muitos colegas agentes a Cristo. (Foto: Vic Carpenter).

O americano Vic Carpenter sentiu Deus o chamando para o ministério pastoral durante sua juventude. Obediente, ele seguiu todos os passos convencionais para se tornar um pastor, mas não imaginava que o Senhor o enviaria a um lugar inusitado para discipular e plantar uma igreja.

“Eu me senti chamado para o ministério na faculdade. Fui criado em um lar cristão e pensei em seguir o caminho mais direto”, contou Carpenter ao Kentucky Today.

Após se formar na universidade, Vic foi para o Seminário Teológico Batista do Sul e serviu como ministro de jovens. Durante três anos, o cristão enfrentou o desafio de conciliar a pós-graduação no seminário com seu trabalho como corretor de imóveis para sustentar sua família.

Ao conquistar a formação teológica, ele passou a lutar por uma congregação para enfim cumprir seu ministério pastoral, porém não encontrou nenhuma oportunidade. “Comecei a me inscrever em todos os EUA para encontrar uma igreja para pastorear. Candidatei-me a diferentes lugares por quase um ano e não ouvi nenhum retorno de chamada. Tudo parecia estar morrendo debaixo de mim”, revelou Carpenter.

Então, a família de Vic começou a passar por dificuldades financeiras e o pastor decidiu se candidatar para trabalhos seculares. “Numa sexta-feira à noite, por puro capricho, procurei o FBI e me candidatei. Eu não contei a ninguém no começo, nem mesmo a minha esposa. Achei que era apenas uma perda de tempo”, disse.

Para a surpresa do pastor, ele foi chamado para um extenso processo de entrevista da agência e após seis meses, foi contratado e enviado para a Academia do FBI em Quantico, na Virgínia.

“Foi uma mudança radical. [O emprego] sustentou minha família e foi emocionante de certa forma. Mas parecia que eu desperdicei os últimos 10 anos da minha vida”, afirmou Vic. Porém, embora não parecesse, o pastor estava no lugar certo e Deus já tinha um propósito preparado. 

Um ministério no FBI

Carpenter passou a trabalhar na Equipe de Resgate de Reféns do FBI, um grupo de elite de operadores especializados, e descobriu que muitos dos agentes eram cristãos. Então, Vic e seus colegas passaram a compartilhar o Evangelho no ambiente de trabalho.

“Percebi que era capaz de testemunhar para pessoas que poucos tinham acesso. Na providência de Deus, três outros caras da minha classe e eu começamos um estudo bíblico no local de trabalho. Foi a primeira vez que fiz um estudo bíblico nesse tipo de ambiente”, relatou o pastor.

Com o passar do tempo, vários agentes se entregaram a Jesus, junto com suas famílias, através do trabalho evangelístico do pastor Vic. Com o crescimento da missão, ele e os agentes se perguntaram: “Por que não começamos uma igreja?”.

Em agosto de 2019, Carpenter e seus colegas plantaram a Redeemer Bible Church. No início, as reuniões eram feitas no auditório de uma escola da cidade, mais tarde no quintal de um membro da igreja e depois em um campo maior.

“E aqui estamos, dois anos e meio depois, e alugamos um prédio em nossa área alvo (a um preço acessível), realizamos dois cultos, com média de 400 pessoas por semana e acabamos de iniciar outra igreja em uma cidade cerca de 45 minutos ao norte”, testemunhou Vic.

Igreja liderada por agentes

Segundo o pastor, a notícia da igreja se espalhou no FBI e muitos colegas foram aos cultos. Alguns aceitaram Jesus e outros, que estavam afastados de Deus, retornaram. “Muitos de nossos colegas de trabalho e suas famílias vieram a Cristo. Eu perdi a conta neste momento. Outros na comunidade também chegaram à fé em Cristo”, disse Vic.

O pastor Carpenter e os outros agentes lideram a igreja de forma voluntária, enquanto continuam trabalhando no FBI. “Não temos funcionários pagos em tempo integral em nossa igreja”, explicou Vic.

“Eu não recebo nenhum salário da igreja. Não sou o único a fazer isso. Nosso ministro de jovens é um agente do FBI em tempo integral que recusou a oportunidade de se mudar para a cidade em que ele e sua esposa sempre quiseram morar para ficar e fazer o ministério de jovens. O Senhor acabou de explodir o grupo de jovens pelo sacrifício que eles fizeram”.

Parte do dinheiro dos salários dos líderes foi usado para cuidar de viúvas e órfãos. “Cinco casais diferentes em nossa igreja se sentiram levados a adotar crianças – alguns fora de um orfanato, com antecedentes de abuso e crianças estrangeiras com deficiência – e a igreja pagou os custos iniciais e contas legais em cada adoção, que ultrapassou US$ 50 mil”, afirmou Carpenter.

Com um pastorado nada convencional de “pastor agente”, Vic tem cumprido o propósito de Deus para sua vida e alcançado muitas pessoas. “No meu trabalho no FBI, estou a afastar o mal. E na igreja, eu edifico o que é bom e justo. A aplicação da lei derruba e prende os maus. Mas somente a Igreja pode edificar a justiça’, concluiu.





Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições