Portas Abertas Internacional é nomeada para prêmio do Parlamento Europeu

Portas Abertas Internacional é nomeada para prêmio do Parlamento Europeu

Atualizado: Quinta-feira, 30 Setembro de 2010 as 3:13

Muito contentes e honrados, anunciamos que a Portas Abertas Internacional é uma das nove indicadas para o Prêmio Sakharov de 2010. A cerimônia de premiação ocorrerá em 15 de dezembro. O Prêmio Sakharov é anualmente concedido pelo Parlamento Europeu (EP, em inglês) para homenagear pessoas ou organizações que dedicaram suas vidas à defesa dos direitos humanos e liberdades fundamentais.

Criado pelo Parlamento Europeu em dezembro de 1988, o prêmio foi nomeado assim em homenagem ao cientista soviético e dissidente Andrei Sakharov, ganhador do prêmio Nobel da Paz de 1975.

O Grupo Parlamentar Conservador e Reformista Europeu (ECR, em inglês) indicou a Portas Abertas Internacional. De acordo com o membro do Parlamento Europeu, Peter van Dalen, "a organização Portas Abertas Internacional foi indicada pelo grupo para a década, porque ela tem sido ativa quanto a situação dos cristãos perseguidos no mundo inteiro".

"A atual campanha da Portas Abertas Internacional para os cristãos que são discriminados na distribuição de ajuda no Paquistão (saiba mais) é motivo suficiente para nomeá-la ao prêmio Sakharov: aproximadamente 80% de todas as pessoas do mundo inteiro são perseguidas por sua fé cristã. Para elas, a Portas Abertas Internacional tem um valor inestimável. A organização é bem informada e oferece uma ajuda concreta”,  completa Dalen.

Outro membro do ECR, Ryszard Legutko, disse que "a Portas Abertas Internacional faz um trabalho maravilhoso em 45 países, defendendo aqueles que sofrem por sua fé. Todos deveriam ser livres para praticar a fé que escolhem, sem a ameaça de perseguição, e o Parlamento Europeu pode enviar esta poderosa mensagem através do apoio à Portas Abertas Internacional." Depois de verificar a admissibilidade dos indicados, três comissões parlamentares votarão em três finalistas em 18 de outubro.

O vencedor será decidido pelos líderes dos grupos políticos do Parlamento Europeu e anunciado na cerimônia do dia 15 de Dezembro de 2010, em Estrasbourg, comuna no leste da França. Nomes como Nelson Mandela, Kofi Annan, o cubano Damas de Blanco e a Organização Memorial Russa já ganharam o prêmio.

Tradução: Carla Priscilla Silva

veja também