Projeto adventista Quebrando Silêncio é apresentado no TRE

Projeto adventista Quebrando Silêncio é apresentado no TRE

Atualizado: Terça-feira, 1 Novembro de 2011 as 10:57

Na última quarta, dia 27 de outubro, o projeto Quebrando Silêncio foi apresentado aos servidores do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Belém-Pa. Na ocasião, Vanderlei de Oliveira, juiz do Tribunal de Justiça do Estado, falou sobre o ciclo da violência doméstica destacando como o projeto Quebrando Silêncio contribui para os direitos da mulher. “As marcas da violência são profundas nas mulheres e nos filho. É dever do Estado, da família e de toda comunidade promover medidas para combater esse tipo de violência, por isso a iniciativa da Igreja Adventista é fundamental para sociedade”.

Durante o plenário as coordenadoras do projeto na região Baixo Amazonas, Rubenita Aragão, e União Norte Brasileira, Cibele Florêncio, distribuíram revistas e literaturas sobre o projeto, com estratégias para combater a violência contra mulheres, crianças e idoso.  Além disso, os servidores públicos receberam o livro missionário “A Grande Esperança”. Segundo Cibele, “a intenção é formar multiplicadores, agentes que contribuam com o combate efetivo da violência”.

Para Luciana Souza, secretária de gestão de pessoas do TRE, “O projeto é interessante porque trata de um tema atual com um fundo de fé, o que é muito importante, principalmente no ambiente de trabalho onde as coisas tendem a ficar muito técnicas, precisa trazer um pouco de amor”, disse depois de conhecer os objetivos e as ações do projeto. “A gente espera se engajar também para contribuir de alguma forma e quebrar o silêncio”, completou.

veja também