Projeto de Missões Nacionais leva Cristo aos surdos de Guarapari

Projeto de Missões Nacionais leva Cristo aos surdos de Guarapari

Atualizado: Terça-feira, 12 Julho de 2011 as 12:24

Desde o dia 2 de julho, 23 voluntários de cinco estados brasileiros participam do projeto Alcance Surdos em Guarapari - ES. Esse ano, o projeto visa o fortalecimento do Ministério Enos - Primeira Igreja Batista de Guarapari, que há 12 anos tem mantido o foco de suas ações na salvação dos surdos da cidade.

Os voluntários surdos e ouvintes chegaram a Guarapari no dia 1º de julho para, no dia seguinte, serem treinados em técnicas de evangelismo pessoal, recenseamento de casas, caminhada de oração e estudos bíblicos.  Mostrando que assimilaram bem todas as lições, logo no primeiro dia cerca de 18 pessoas - entre surdos e ouvintes - se converteram.

"O grupo tem aproveitado as oportunidades para ganhar almas para o Senhor Jesus, realizando palestras e culto nas escolas, discipulado para casais surdos, discipulados para jovens surdos, estudo bíblico em grupo com as crianças surdas, recenseamento de casas, curso de libras, impacto evangelístico nas ruas, praças e bares", contou a seminarista de Missões Nacionais Rafaela Costa.

Isabelle Schuller, surda recém-convertida, ao participar de um discipulado com o missionário surdo Esdras dos Santos Paixão, afirmou, emocionada: "Quero reconciliar-me com Deus". Desde então, Isabelle tem mantido constância no discipulado na PIB de Guarapari.  "É bom ter Jesus no coração. Todos que fazem parte do Alcance Surdos são pessoas abençoadas".

Ressaltando a importância da quebra de barreiras na evangelização de surdos, o missionário Esdras afirma que, para Jesus, a surdez não é um defeito, mas um diferencial. "O amor de Jesus não vê o surdo como um indivíduo doente, mas um indivíduo a ser amado e aceito por nós, a ser trabalhado, respeitando seu próprio conteúdo interior e cultura".

Você, ainda que não conheça Libras, pode apoiar na obra de evangelização de surdos. Interceda pelo Projeto Alcance Surdos, levando sua igreja a formar grupos de oração em favor das atividades que acontecerão até o dia 17 de julho.    

veja também