Saiba mais sobre o Nepal, Togo e Papua Nova Guiné

Saiba mais sobre o Nepal, Togo e Papua Nova Guiné

Atualizado: Sexta-feira, 25 Dezembro de 2009 as 12

Das muitas dificuldades enfrentadas pelo missionário no campo, sem sombra de dúvida adaptação a cultura e costumes locais são a maior delas. Alguns gestos, palavras, valores individuais, alimentação, e até o simples ato olhar, muitas vezes deixam o recém chegado confuso. É necessário, portanto, muita paciência e persistência para se adaptar a esta nova maneira de encarar a vida, as emoções, e para pregar a palavra de Deus com eficiência.

A partir deste momento a MEG [Missão Evangélica Global] vai disponibilizar algumas curiosidades sobre cultura e costumes.

Nepal

No Nepal eles crêem que amar alguém é tramar-lhe armadilhas para que amadureçam, e odiar a outro é ser-lhe cordial e sincero, permitindo assim que ele permanece em sua mediocridade. Baseados nisso, dois guias nepaleses, que acompanhavam um casal de missionários nas montanhas geladas de Auntim, desapareceram numa certa manhã. Levaram consigo toda a comida, a água e as roupas de frio. Deixaram apenas as barracas e os colchonetes nos quais dormiam. O casal largou para trás as barracas, os dois missionários empreenderam uma árdua caminhada de três dias e três noites em terreno desconhecido. Cobriram-se com parte de seus colchonetes, que improvisaram como jaquetas. Finalmente chegaram a um vilarejo. Ali encontraram os dois guias que o aguardavam com um largo sorriso disse: ''Não precisam agradecer''.

Togo

Os wewes do Togo, as crianças recebem nomes provisórios ao nascerem. O nome verdadeiro só lhes era revelado após algum tempo, a fim de ludibriar os maus espíritos, os quais sem saber o nome real deles não conseguiriam roubar-lhes a alma.

Papua Nova Guiné

Os Temas em Papua Nova Guiné, praticavam o canibalismo. Eles comiam os corpos dos familiares mais queridos, logo que morriam, a fim de guardá-los vivos.

veja também