Secretário geral da Missão Portas Abertas se reúne com voluntáios pela Igreja Perseguida

Secretário geral da Missão Portas Abertas se reúne com voluntáios pela Igreja Perseguida

Atualizado: Quarta-feira, 27 Janeiro de 2010 as 12

Entre os dias 22 e 24 de janeiro, aconteceu o Seminário sobre a Igreja Perseguida na Igreja Batista Betuel em Belo Horizonte, MG. O evento contou com a participação de mais de 1.000 pessoas e foi organizado pela equipe de voluntários do Underground.

Na sexta-feira, a reunião teve início com a apresentação do filme As listras da zebra. Na tarde do sábado, várias palestras foram realizadas sobre a perseguição religiosa no mundo e, como ilustração, o DVD O livro perigoso foi projetado. Além disso, os participantes se reuniram para escrever cartas para a jovem Tsehay Desta, da Etiópia.

À noite, o Pr Carlos Alfredo, secretário geral da Missão Portas Abertas, apresentou o conceito bíblico de perseguição e em seguida relatou sua última viagem à Índia e Bangladesh, destacando a situação da Igreja nesses países para cerca de 500 pessoas. O pastor titular da Igreja Batista Betuel, José Geraldo Freitas, encerrou a noite reforçando a importância de cada um dos presentes se envolver com a Igreja Perseguida.

Na noite de domingo, com uma audiência de aproximadamente 1.000 pessoas, o seminário foi encerrado com a pregação do Pr. Carlos Alfredo, que destacou a importância da oração em favor da Igreja Perseguida e desafiou os presentes a dedicar um minuto, por dia, em intercessão pelos cristãos que sofrem perseguição por conta de sua fé.

Durante todo o evento, cerca de 400 pessoas demonstraram interesse em receber a revista Portas Abertas e preencheram a ficha de participação. Além disso, a igreja Batista Betuel decidiu que as mais de 300 células irão incluir um momento de oração pela Igreja Perseguida em seus encontros.

O secretário geral fez um agradecimento especial aos voluntários da Portas Abertas de Minas Gerais pela iniciativa e empenho na realização desse seminário, principalmente ao casal Edimar e Quézia, que liderou o grupo e se dedicou para que mais pessoas conhecessem a causa da Igreja Perseguida. Após chamá-los à frente, o Pr. Carlos Alfredo orou por eles agradecendo a Deus por suas vidas e pelo amor que eles têm demonstrado por aqueles que sofrem por amar a Cristo.

Encontro com os Correspondentes Locais de Minas Gerais

Aproveitando sua estada em Belo Horizonte, o Pr. Carlos Alfredo reuniu-se com os voluntários mineiros na manhã de domingo, em um colégio no bairro de Barreiro. A reunião teve a participação de 35 Correspondentes Locais, além de interessados em ser voluntários. O secretário geral explicou sobre a atual estrutura da Missão Portas Abertas e apresentou o departamento de Expansão e Ministérios, responsável pelo programa de Correspondentes Locais e pelos ministérios Underground e Mulheres do Caminho. Ele também destacou o plano de expansão regional, que visa à ampliação do número de parceiros para 2010. O alvo para Minas Gerais é de 2.400 novas pessoas.

Após responder algumas perguntas, o encontro foi encerrado com uma oração e a foto oficial. Os voluntários sentiram-se animados e desafiados a ampliar o número de cristãos mineiros envolvidos com a Igreja Perseguida.

veja também