Trabalho missionário com crianças é ameaçado no Uruguai

Trabalho missionário com crianças é ameaçado no Uruguai

Atualizado: Quinta-feira, 9 Junho de 2011 as 8:50

O casal missionário no Uruguai, pastor Daniel e Clélia Duarte, pede aos irmãos em Cristo no Brasil que orem pelo projeto Casa Minha Esperança, localizado no bairro San Isidro, na periferia de Las Piedras, onde boa parte das famílias moram em assentamentos. O projeto atende mais de 30 crianças carentes, dando-lhes lanches, roupas e, principalmente, alimento espiritual.

O projeto é desenvolvido no terreno da casa onde moram seus líderes, Mário e Rosita, que chegaram a construir um pequeno salão para a realização de atividades com as crianças. O grande problema é que esse terreno pertence à Comunidade Católica e está no processo de doação para passar a escritura aos seus moradores. Recentemente, as freiras responsáveis pela administração desse terreno iniciaram uma espécie de perseguição, negando cestas básicas às famílias que permitem que seus filhos participem do projeto Casa Minha Esperança, inclusive realizando as reuniões para entrega no mesmo horário da escola bíblica.

Apesar dessa ameaça, os pais continuaram levando suas crianças para o projeto. Então, no último fim de semana as religiosas decidiram dar o golpe final. Elas chamaram os líderes do projeto para dizer que, caso eles não interrompam as atividades com as crianças não receberão a transferência da escritura do terreno e terão que se retirar da casa.

“Sabemos que essa luta não é contra as freiras, mas sim contra os opositores espirituais da maldade que querem impedir que a esperança do Reino domine os corações dessas crianças e de suas famílias. Ore pelo casal de líderes, que ama esse ministério, mas ficaram muito abatidos com a ameaça. Peça por sabedoria e discernimento do Senhor para que encontremos novas portas. Interceda também pelas freiras, a fim de que os ciúmes e a religiosidade não as impeçam de permitir fazer o bem”, pede o pastor Daniel.

veja também