46% consideram que o nascimento de Jesus é "irrelevante" para o Natal

46% consideram que o nascimento de Jesus é "irrelevante" para o Natal

Atualizado: Quinta-feira, 9 Dezembro de 2010 as 8:14

Nova pesquisa do fórum de Teologia Theos revela até que ponto a sociedade britânica está dividida sobre o significado do Natal.

Uma sondagem de 1.000 adultos descobriu que pouco menos da metade (46%) concordaram com a afirmação de que o nascimento de Jesus é "irrelevante" para o Natal, em comparação com 51% que acreditam que seu nascimento é relevante.

Havia diferenças claras na importância atribuída ao nascimento de Cristo entre as nações, sexos e idades.

Os escoceses foram mais propensos a discordar com a afirmação (65%), comparado com uma média de 51% na Grã-Bretanha.

Surpreendentemente, as pessoas entre 18 e 24 eram mais prováveis do que qualquer outro grupo etário de discordar com a afirmação (55%), desafiando a suposição comum de que o nascimento de Cristo só é significativo para as gerações mais velhas.

As mulheres eram mais prováveis do que os homens em discordar da afirmação 56% contra 47%.

Os resultados também revelaram uma queda no número de pessoas que pretendem assistir a um culto de Natal neste ano: 44% em 2008 para 36% em 2010.

A pesquisa também descobriu que o Natal é provável que seja um momento difícil para as pessoas mais pobres da Grã-Bretanha, com 22% das pessoas com o menor grupo sócio-econômico dizendo que eles temem Natal, 4% superior à média nacional.

Eles também eram mais propensos a pedir dinheiro emprestado para cobrir os custos de suas celebrações de Natal (15% em comparação com a média nacional de 13%).

veja também