"A Marcha tem um significado histórico e profético", afirma presidente da ORMECE

"A Marcha tem um significado histórico e profético", afirma presidente da ORMECE

Atualizado: Segunda-feira, 7 Junho de 2010 as 5:31

Com o apoio de mais de 150 mil pessoas, a 16ª Marcha para Jesus de Fortaleza percorreu pontos considerados ''estratégicos'' para a capital cearense, no último sábado, 5. Locais como o IML, Santa Casa de Misericórdia e Secretaria da Fazenda foram algumas das ''paradas obrigatórias'' no percurso que partiu da Praça do Liceu e teve como ponto de concentração e encerramento com shows musicais, o Aterro da Praia de Iracema.

Os que prestigiaram o evento tiveram a oportunidade de assistir a ministração dos pastores integrantes da ORMECE (Organização dos Ministros Evangélicos do Ceará) e apresentações ao vivo de cantores como Fernando Fé, Marquinhos Menezes e Lilian Azevedo, além de bandas como a já conhecida Kebrantaê, tanto no trio elétrico, como no palco montado para concentração na Praia de Iracema.

Relevância

Para os organizadores do evento no estado do Ceará, um evento como a Marcha para Jesus tem relevâncias tanto na área histórica como espiritual. Marcar a cidade com louvor, oração e bênçãos divinas está entre os objetivos do evento, que pretende alcança-los unindo forças e vencendo barreiras denominacionais. Em enrtrevista exclusiva ao Guia-me.com.br, o Pr. Francisco Paixão, presidente da ORMECE, lembrou que a celebração da vida e a gratidão pelas bênçãos já derramadas estavam acima de qualquer diferença doutrinária que pudesse haver entre os evangélicos naquele momento.

''A Marcha tem um significado histórico e profético. Nós estamos aqui, como Igreja do Senhor para fazer uma celebração com todas as igrejas, por isso que o evento é interdenominacional. Nós não levantamos nenhuma bandeira de igreja. 'A Sua bandeira sobre nós é o amor', como diz o próprio Salomão. Então o propósito maior é ter a Igreja do Senhor, de todas as denominações, a uma só voz, louvando e glorificando o nome do Senhor, celebrando a vida, agradecendo ao Senhor Jesus Cristo. Por tudo o que ele fez por nossas vidas'', festejou.

Intercessão

Ao longo do percurso a Marcha para Jesus de Fortaleza marcou cinco pontos estratégicos que, segundo a liderança do evento, simbolizavam áreas da sociedade que necessitam de expressiva intercessão. Em primeiro lugar, o grupo levanta um clamor pela segurança não só estrutural, mas também espritual do país, ao chegar à praia. Segundo o Pr. Paixão, ''assim como o mar foi porta de entrada para os colonizadores, deve-se aproveitar as oportunidades para orar pela segurança nacional, para que o Brasil não se envolva em guerras, se mantendo uma nação pacífica e também, fechar as portas para que entidades malignas não adentrem ao território''.

Como segundo ponto específico de intercessão do trajeto, o IML também foi alvo das orações daqueles que marcharam por Jesus durante a tarde do último sábado. Para a organização do evento, todo o espírito de violência e suicídio que, muitas vezes é o causador de grande parte das mortes que ali estão representadas deve ser repreendido.

Terceiro lugar que recebe a intercessão do cortejo é a Santa Casa de Misericórdia. Com o cuidado de reduzir o volume do som antes de chegar à frente do hospital, o grupo também cuidou de orar pelos enfermos que ali estavam.

O quarto ponto tido como estratégico para a organização da Marcha para Jesus de Fortaleza foi a Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará (SEFAZ), engolbando o Centro Cultural Dragão do Mar e as Forças Armadas. Ao passar pelo local, o grupo aproveitou para orar por parte daqueles que administram e protegem o estado e também a nação brasileira.

O quinto lugar foi a região dos cartórios eleitorais, onde a liderança do evento aproveitou para interceder - junto a todos os que prestigiavam a Marcha - pelos poderes legislativo, executivo e judiciário. Entre os pedidos de oração neste ponto, também estava a conscientização política do povo brasileiro.

Crescimento

Segundo o Pr. Francisco Everton, idealizador da ExpoEvangélica Fortaleza e membro da ORMECE, o crescimento da Marcha para Jesus tem sido significativo em Fortaleza. Ao dar o seu depoimento exclusivo ao Guia-me.com.br, o ministro se lembrou com satisfação das primeiras edições do evento na capital cearense e reforçou a importância também evangelística que a Marcha ganhou.

''A Marcha tem uma grande importância para o Ceará. É a 17ª no Brasil e a 16ª em Fortaleza. O nosso estado foi o primeiro, depois de São Paulo a adotar a Marcha e estamos realizados. Começamos com cinco mil pessoas e hoje já estamos beirando 200 mil pessoas. A gente vem crescendo todos os anos e este é o único evento evangélico, no qual todas as igrejas e denominações, unidas em um coro só estão gritando o nome de Deus. Nós levamos Jesus para as nações por meio dessa Marcha para toda Fortaleza. Vamos ministrando oração contra as maldades dessa cidade e para que Deus abençõe Fortaleza como uma cidade santa'', comemorou.

Contagiante

Ao falar sobre o espírito contagiante da Marcha para Jesus, o Pr. Francisco Everton concordou que por muitas pessoas acabam se juntando ao cortejo, por serem realmente influenciadas.

''Para onde a marcha vai, vai arrastando grande multidão. Provavelmente, ao longo da Marcha, de 20 a 30 mil pessoas passam a nos acompanhar. Foi uma experiência gloriosa, pelo louvor, pela adoração... o cantor Fernando Fé foi usado mais uma vez por Deus, para fazer uma grande ministração até chegar aqui ao Aterro da Praia de Iracema, na concentração, também com louvores, com adoração, testemunhos e Deus abençoando esse trabalho maravilhoso'', exclamou.

Por João Neto - www.guiame.com.br

veja também