Adorando a Deus, descobrimos quem Ele é e quem devemos ser

Adorando a Deus, descobrimos quem Ele é e quem devemos ser

Atualizado: Segunda-feira, 21 Outubro de 2013 as 3:40

adoração“Eu sou o Senhor; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura” (Isaías 42.8).
 
O grande e supremo Criador é realmente o Único digno de ser adorado. Digno de receber todo louvor, honra e glória.
 
Não há outro deus além do Senhor, soberano na Terra, céu e mar. Ainda que o homem tente fazer para si outros deuses e reverenciar tantas coisas feitas por mãos humanas, somente o Deus criador tem poder para transformar e, acima de tudo, salvar o pecador.
 
Contra todas as possibilidades, o Senhor é maior. Contra todo principado do mal, Ele é soberano. Nada se compara ao Seu poder. Quando Ele fala, tudo se cala. Quando Ele se levanta, todos se prostram. Nada fica isento da glória da Sua presença. Ele é sempre mais.
 
Saiba que somente um coração adorador poderá encontrar o favor de Deus e isso fará com que nossa atitude diante do Senhor seja primeiro de adoração e louvor por tudo que Ele é e tem feito. Depois então poderemos pedir, buscar e clamar em favor das nossas necessidades.
 
Adorando a Deus, descobrimos quem Ele é e quem devemos ser. Não adoramos para melhorar Deus, nós é quem somos transformados através da adoração genuína e verdadeira ao Senhor!
 
Por isso, a orientação de Deus para o Seu povo é clara e específica: “Não terás outros deuses diante de mim; Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra” (Deuteronômio 5.7-8).
 
Que nosso coração esteja rendido em louvor, gratidão e adoração ao Soberano Senhor!
 
 
- Denise Tomaz de Souza
 

veja também