Adventistas promovem o Dia da Beleza da Mulher

Adventistas promovem o Dia da Beleza da Mulher

Atualizado: Quinta-feira, 31 Março de 2011 as 10:57

Uma sala cheia de mulheres de diferentes idades e com o mesmo propósito: ficar mais bonitas. Assim estava o ambiente do Instituto Mato-Grossense de Apoio à Criança (IMAC), em Várzea Grande, Mato Grosso. Na segunda-feira, 28 de março, foi um dia dedicado à beleza da mulher, um projeto realizado pelo IMAC em parceria com o governo do estado e o Instituto Mato-Grossense de Desenvolvimento Humano.

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a comunidade várzea-grandense recebeu serviços gratuitos como limpeza de pele, maquiagem, tratamentos estéticos corporais e faciais, cortes de cabelo e escova, além de participar de palestras, oficinas, mesas redondas e apresentações culturais. A ação faz parte do projeto “Mulher mais cidadã”, que tem como objetivo mostrar a importância da mulher na sociedade moderna.

De acordo com Ivanir Gusmão, diretora do IMAC de Várzea Grande, toda essa movimentação visa valorizar as mulheres a fim de melhorar a autoestima. “Cerca de 100 mulheres foram atendidas somente hoje através de oficinas de beleza e estética e palestras de orientação familiar”, destaca.

Tatiane Damarra conta que teve de faltar ao serviço para aproveitar a oportunidade e cortar o cabelo gratuitamente. Ela explica por que é tão importante para a mulher se sentir bem com ela mesma. “Quando a gente se arruma, a gente muda o jeito, a expressão, a fisionomia, muda tudo”, alegra-se.

Ela enfatiza que na sociedade globalizada de hoje, que exige tanto da mulher, é preciso correr para dar conta de tudo. “Hoje eu trabalho fora, cuido das tarefas de casa e de três filhos. É uma correria total”, revela.

Mas todas essas atividades não impedem as mulheres de se cuidar. Verônica Rodrigues explica que se sente “mais poderosa” quando se arruma e isso levanta a autoestima dela. “A beleza é essencial para arrumar serviço, namorado, enfim, tudo”, diverte-se.

Além de oferecer esse cuidado diferenciado para com as mulheres, o IMAC também é um centro de referência e apoio para mais de 300 crianças e adolescentes carentes. Oferece aulas de reforço escolar, cursos de informática, culinária, bordado, entre outros.

Solange Marques, coordenadora do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), que realiza trabalho integrado com o núcleo, afirma que o IMAC é um espaço organizado que possibilita aos jovens saírem das drogas, prostituição e repetência. “O IMAC já tirou muitas crianças da rua e cuida delas todos os dias”, argumenta.

Ivanir lembra que o governo do estado tem apoiado o trabalho porque é desenvolvido um trabalho contínuo com as crianças e adolescentes e suas famílias. ”Aqui procuramos fazer a diferença e não apenas fazer barulho. Queremos continuar tendo o estado como parceiro”, salienta.

Palestras de orientação - No “Dia de Beleza da Mulher”, elas também tiveram orientações voltadas para a família e administração do lar. Uma delas teve como objetivo orientar as donas de casa no combate à dengue. A outra foi ministrada pelo administrador de empresas e palestrante internacional, Daniel Maciel, que esclareceu dúvidas e deu dicas para equilibrar o orçamento familiar.

Maciel ressaltou que as pessoas precisam fazer um “mapa” das despesas fixas e contas velhas que, segundo ele, é diferente do fiado. “É necessário colocar ordem na casa, diminuindo gastos com alimentação, vestuário e combustível”, analisa.

Ele elucidou ainda que apenas 30% do salário familiar deveria ser gasto com acessórios como roupas, calçados, brinquedos, etc. “A mulher precisa ter controle real do quanto ela precisa para se sentir bonita”, conclui.

veja também