Aleca Pop anima a garotada em evento no Prezunic

Aleca Pop anima a garotada em evento no Prezunic

Atualizado: Segunda-feira, 11 Outubro de 2010 as 11:08

O Dia das Crianças chegou mais cedo para a Central Gospel Music. Esta semana, Aleca Pop levou muita diversão e louvor para a criançada que passou pelas lojas do Prezunic do Rio de Janeiro em Senador Camará, Campo Grande, Ilha do Governador, Duque de Caxias, Recreio dos Bandeirantes e Taquara. O mercado, que foi palco para as apresentações da cantora, venderá o CD e DVD Adora Kids, que tem previsão para ser lançado em novembro.

Aleca, juntamente com o seu marido, o pastor Guilherme, realizou muitas brincadeiras, coreografias e cantou as músicas de trabalho Família, Homenzinho torto, O tijolinho e Pedro, Tiago, João no barquinho. A cada canção, os ministros infantis explicavam as histórias bíblicas que estavam contidas nas letras e pediam para que a garotada repetisse uma oração.

A quantidade de crianças se multiplicava em todo o tempo, aproximando-se a um número de 450 pequeninos. E não foi somente o público infantil que entrou na brincadeira. Os funcionários do mercado e os pais também participaram da programação e até ganharam brindes. Bárbara Cristina de Souza, mãe de Raíssa e Isaías, dançou, pulou e cantou com a Aleca Pop. “Gostei muito do evento, e acho importante ensinar o caminho certo desde cedo”, afirmou.

A parte da programação que os participantes mirins mais gostaram ficou para o final. Muitos brindes foram distribuídos: balões, livros para colorir, pirulitos e pipoca. Porém, para o Vitor Gomes, de 9 anos, o melhor momento foi o que eles cantaram e dançaram. “A música que eu achei mais legal foi a do Homenzinho torto, e com ela aprendi que as crianças precisam obedecer a Deus”.

De acordo com Aleca, este evento é uma grande porta para o evangelismo infantil. “Eu acho que esse trabalho é uma oportunidade maravilhosa para vermos vidas sendo tocadas por Deus. O que mais me sensibilizou foi ver o carinho com que as crianças nos receberam e a disposição delas em aceitar ao Senhor”. Outro fato que impactou o casal foi o testemunho que o pastor Gui contou a respeito de um menino que tomou a atitude de chegar até ele e dizer que precisava muito de Deus.

veja também