Antes de se tornar pregador jogue o tapete vermelho no lixo

Ubirajara Crespo: "Antes de se tornar pregador jogue o tapete vermelho no lixo"

Atualizado: Quinta-feira, 1 Agosto de 2013 as 11:51

Através do Facebook, o pastor Ubirajara Crespo escreveu sobre a vida ministerial de um pregador da Palavra de Deus.
 
No texto, Crespo lembra que nem sempre o local em que será hospedado será cheio de conforto, e que é preciso entender e se acostumar com isso. Confira o texto completo:
 
 
tapete vermelhoQuando um pregador é convidado, não pergunta onde ficará hospedado, se terá carro alugado e nem quanto ganhará. Ele está indo para pregar o Evangelho, e só. Se ganhar alguma oferta, é bonificação. 
 
Depois que a mensagem é entregue, cumpriu a sua missão e volta para casa feliz.
 
Nada a reclamar, pois sua alegria está em anunciar o Evangelho. 
 
O objetivo é servir e não ser servido. Se for hospedado em casas de madeira com cortinas funcionando como portas, dormir em camas estendidas no chao com mais 10 pessoas roncando na sua orelha, passar a noite em hoteis onde casais compareciam para atividades duvidosas e cheiro de maconha no corredor.
 
Na maioria destes locais isto era tudo o que podiam dar.
 
Antes de se tornar pregador jogue o tapete vermelho no lixo e aba mão de seus direitos. Quando ouço alguém reclamar dos desconfortos pelos quais passou me pergunto: Esta tentando se fazer passar por coitado? Geralmente se faz isto no momento da oferta. 
 
Não fale covardemente por detrás, nem faça intriga e não tente denegrir a imagem das igrejas hospedeiras.
 
Se quer conforto deve procurar outra profissão.
 
No dia em que eu fizer isto, perco o direito de subir em um púlpito.
 

veja também