Após 2 dias naufragado, homem sobrevive e conta milagre

Após 2 dias naufragado, homem sobrevive e conta milagre

Atualizado: Sexta-feira, 14 Junho de 2013 as 8:54

okeneO rebocador 'Jascon-4' naufragou no Oceano Atlântico, costa da Nigéria, no dia 26 de maio.
 
Das 12 pessoas a bordo, Harrison Okene, de 29 anos, foi a única encontrada com vida.
 
Okene passou mais de 60 horas dentro de um banheiro do navio, respirando graças a uma bolha de ar que se formou ali na hora do naufrágio.
 
"Eu estava lá na água em total escuridão e tinha certeza de que era o fim. Fiquei pensando que a água ia encher a sala, mas isso não aconteceu", disse ele.
 
A imersão na água salgada descascou a pele do rapaz e também tirou a pele de sua boca.
 
Quando o navio virou e a água invadiu o local onde estava, Okene viu os três que estavam à sua frente serem arrastados.
 
Okene, vestindo apenas cueca, sobreviveu a cerca de um dia no pequeno banheiro, segurando a bacia virada para manter a cabeça fora da água, que só enchia uma parte do cômodo, permitindo com que o rapaz respirasse.
 
Com muito frio e sem enxergar nada, ele sentia que não estava sozinho ali. "Mas eu podia perceber os corpos da minha tripulação estavam nas proximidades. E eu podia sentir o cheiro deles. Vieram os peixes e começaram a comer os corpos. Eu podia ouvir o som. Foi um horror."
 
No dia 28 de maio, Okene ouviu os barulhos da equipe de mergulhadores. "Ouvi um martelo batendo no navio. Bum, bum, bum! Nadei para baixo e encontrei um dispensador de água. Puxei o filtro de água e martelei o lado do navio esperando que alguém me ouvisse. Então, o mergulhador me ouviu."
 
Embora pensasse estar no fundo do mar, Okene estava à 30 metros de profundidade. Os mergulhadores o equiparam e o levaram, espantados, até a superfície.
 
Agora, já recuperado do susto, o rapaz reconhece que é fruto de um milagre de Deus. "Eu não sei o que impediu a água de encher o cômodo. Eu só fiquei chamando por Deus. Ele me protegeu. Foi um milagre."
 
 
com informações do G1/Reuters
 

veja também