Apóstolo Proíbe uso de USB por ser "Símbolo do Diabo"

Apóstolo Proíbe uso de USB por ser "Símbolo do Diabo"

Atualizado: Terça-feira, 21 Dezembro de 2010 as 9:10

Uma igreja evangélica localizada no interior de São Paulo, inseriu em seus cultos a proibição do uso de qualquer tecnologia USB pelos seus fieis.

O motivo? A igreja alega que o USB carrega um símbolo que prega apologia ao demônio.

O apóstolo Welder Saldanha, fundador do Templo Evangélico, declara que o USB representa um símbolo de satanás e não deve estar presente em lares critãos.

Em suas palavras: “O símbolo daquilo [USB] é um tridente, que é usado para torturar almas que vão para o inferno. Usar um símbolo daqueles apenas mostra que todos os usuários dessa pífia tecnologia são de fato, adoradores de satã”, elucida o apóstolo.

Por conta dessa medida, os fieis foram instruídos a trocar todas as conexões USB por conexões comuns ou Bluetooth, que segundo Saldanha foi pertimida, já que “Azul era a cor dos olhos de nosso salvador Jesus Cristo”.

  Informações Púlpito Cristão / Crentassos

veja também