Aracaju: Pastores recebem títulos de Cidadão Aracajuano

Aracaju: Pastores recebem títulos de Cidadão Aracajuano

Atualizado: Terça-feira, 14 Dezembro de 2010 as 11:19

A Câmara Municipal de Aracaju (CMA) concederá quatro títulos de Cidadão Aracajuano. Os homenageados são José Elias Zanotelli, Moizés Lidke, Milton Soldani Afonso e José Humberto Moura. A Sessão Solene acontecerá nesta terça-feira, 14/12, às 17h, no Plenário do Legislativo de Aracaju. A honraria é de autoria do vereador Juvêncio Oliveira (DEM).

Os homenageados são pastores evangélicos e desenvolvem suas atividades em igrejas de Aracaju, do interior e de outros Estados. José Elias Zanoteli é natural da cidade de São Gabriel da Palha, Espírito Santo. Graduou-se em Teologia em 1980, no Instituto Adventista de Ensino, atualmente Universidade Adventista de São Paulo (UNASP). Em 1981 iniciou suas atividades no Espírito Santo, onde foi pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia até 1984. Já no ano de 1991 atuou como presidente da Igreja para os Estados de Sergipe e Alagoas. Neste período, o homenageado contribuiu para o crescimento da igreja e de algumas comunidades. Destacam-se a construção da Escola Adventista Augusto Franco. Desenvolveu suas atividades na qualidade de presidente da Igreja Adventista do 7º Dia na Missão Sergipe e Alagoas, neste período contribuiu para o crescimento da Igreja em Sergipe, destacando-se as construções de templos em todo Estado.

Moizés Lidke é natural de Afonso Cláudio no Espírito Santo, é pastor evangélico da Igreja Adventista do 7º Dia. Em 1980 graduou-se em Teologia pelo Seminário Latino Americano Setor Norte, localizado em Pernambuco. Em fevereiro de 1981 iniciou suas atividades como pastor no Espírito Santo, nas cidades de Vitória, Ecoporanga e Vila Velha. Chegou à Aracaju em 1996, onde atuou no escritório da Igreja Adventista do 7º Dia do Estado, durante seis anos liderando a área de publicações, ministérios da saúde, família e ministerial. Foi pastor por sete anos na Igreja Central de Aracaju. Durante seus quase 30 anos de trabalho, por todos os lugares que passou, o pastor ajudou a ergueu várias Igrejas, construir escolas, além de atuar oferecendo cursos para deixar de fumas e orientações para uma vida saudável.

Natural de Minas Gerais, Milton Soldani Afonso, iniciou sua formação educacional no Colégio Adventista Brasileiro e concluiu o 3º Grau na Universidade Federal Fluminense, onde bacharelou-se em Direito. Na vida profissional, trabalhou em organizações bancárias, imobiliárias, transportes e no setor de artes gráficas, sendo sócio fundador da Editora Legislação Federal. Fundou e dirigiu a Segurança Nacional de Saúde (Senasa). Em 1971 criou a Golden Cross Assistência Internacional de Saúde, na qual permanece como dirigente. O homenageado já foi agraciado com vários títulos de Cidadania e recebeu a Medalha Tiradentes, a Medalha Anchieta e o Diploma de Gratidão da cidade de São Paulo. O empresário também ajudou a construir catorze igrejas e congregações em Aracaju e no interior do Estado.

José Umberto Moura nasceu em Santa Maria no estado do Pará, é pastor evangélico da Igreja Adventista do 7º Dia. Graduou-se em teologia na Universidade Adventista de São Paulo em 1984. Em 1992 fez mestrado em Teologia Pastoral e em 2009, concluiu seu mestrado pelo Seminário Adventista Latino Americano. Foi professor do 1º e 2º Grau na UNASP em São Paulo, professor de História e Teologia nas Faculdades de Educação, Ciências e Letras, professor no Curso Especial de Teologia e Cursos de Verão. Publicou vários livros e artigos, destacam-se os livros “Mensagens do Coração”, “Preparo para a chuva serôdia”, entre outros.  

veja também