Arqueologia é uma ferramenta para provar a veracidade da biblia

Arqueologia é uma ferramenta para provar a veracidade da biblia

Atualizado: Sexta-feira, 20 Agosto de 2010 as 12:08

Em todo o território da Missão Sul Maranhense (MSMa), reuniões campais estão sendo realizadas para o estudo da Bíblia, celebração e confraternização entre os membros. Nos dias 14 e 15, a Campal de Imperatriz, realizada na sede de acampamentos da MSMa, reuniu aproximadamente duas mil  pessoas.

Nessa ocasião, o pastor Rodrigo P. Silva, doutor em Arqueologia Bíblica, foi o convidado para ministrar as palestras. Silva apresentou mensagens bíblicas apoiadas em achados arqueológicos, além de explorar elementos textuais da língua hebraica.

Segundo Silva, a arqueologia é uma ferramenta para provar a veracidade da Bíblia. “Não é possível, pela arqueologia, provar que Deus existe. Essa crença é apoiada na fé. A arqueologia é capaz de provar que os relatos bíblicos são reais e levar as pessoas a entenderem que a fé não é uma ilusão”, explica Silva.

O clima de espiritualidade foi complementado pela cantora Thalyne Teles que apresentou mensagens de reflexão através da música. “A música favorece a assimilação da mensagem”, disse Thalyne, sobre sua participação na Campal. Segundo ela, essas grandes reuniões são importantes para desenvolver o senso de coletividade e união entre os membros.

“Desde o início da história do adventismo existem as campais. Essas reuniões para o estudo da Bíblia retomam, na atualidade, o clima de confraternização dos pioneiros”, disse o pastor Samuel Bastos, presidente da Missão Sul Maranhense (MSMa).

Outras cinco reuniões campais foram realizadas em Pedreiras, Bacabal, Olho D´Água, Santa Inês e Balsas. Durante este mês, as campais ainda serão realizadas em Açailândia, Barra do Corda, Presidente Dutra e São João dos Patos.

veja também