Assembleia de Deus em Joinville realiza Escola Biblica de Obreiros

Assembleia de Deus em Joinville realiza Escola Biblica de Obreiros

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2011 as 8:32

conteceu no templo central da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Joinville (SC) entre os dias 21 e 27 de março de 2011 a 16ª Escola Bíblica de Obreiros em Joinville (EBOJ).

O pastor Joel Montanha, coordenador da EBOJ, deu boas vindas aos alunos presentes na Escola Bíblica, e para uma aluna em especial,. "Apresentamos a senhora Carmem dos Passos Vieira, que é católica e ouvinte da rádio 107,5 FM, ouviu o anúncio desta Escola Bíblica, e teve o desejo de estar presente”, salientou o coordenador.

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Joinville é presidida pelo pastor Sérgio Melfior, secretário da CIADESCP, que agradeceu a Deus pela realização da 16ª Escola Bíblica de Obreiros. O evento teve como pastores ministrantes, Elienai Cabral (DF), Daniel Regis Cavalcanti/ (RS), Marco Romano/(PR), Daniel Vargas (SP), e da missionária Izabel Melo (SC). "Agradecemos ao coordenador da EBOJ, pastor Joel Montanha, na realização desta 16ª edição onde tivemos mais de 800 alunos matriculados, fora as pessoas que vieram participar de outras cidades e denominações evangélicas”, agradeceu o pastor Sérgio Melfior.O pastor Daniel Regis Cavalcanti ministrou a disciplina Louvor e adoração, e abordou o ponto: Todos somos sacerdotes. “É preciso que avaliemos nossa posição do louvor e adoração na Casa de Deus”, palestrou o pastor.

O pastor Elienai Cabral, inicialmente leu Jo 4.31-38. O texto mostra uma visão do mundo e Jesus o via como “um campo branco para a ceifa”. O pastor deu outra reflexão sobre o texto, “se invertermos o sentido de mundo para igreja podemos fazer uma aplicação e tipologia com a nossa Assembléia de Deus”.

O pastor Marco Romano abordou sobre o tema “os filhos dos obreiros na ótica ministerial” e disse aos presentes que, “o obreiro muitas vezes tem tempo para a igreja, mas para a sua família somente se sobrar”.

Izabel Melo falou sobre os profetas menores, “são chamados de profetas menores devido a brevidade do conteúdo deste grupo, 12 livros proféticos de Oséias a Malaquias, em relação aos escritos do grupo dos profetas maiores”.

E o pastor Daniel Vargas abordou a disciplina Soteriologia, a doutrina da salvação, e durante a ministração disse aos presentes, “todos foram tratados por Deus, quanto aos seus pecados, e com o arrependimento deles, aquilo começa a produzir o efeito poderoso da salvação em Cristo Jesus”.

O aluno Fabiano Yuri, líder de jovens do templo central da AD Joinville, freqüentou durante toda a semana as aulas, “acredito que temos crescido muito com o conhecimento transmitido através da EBOJ e tem sido cada vez melhor”. Para o aluno José Paulino da Silva, presbítero e dirigente da AD Lagoa do Saguaçu em Joinville, freqüenta a EBOJ há mais de 9 anos, “tem sido na minha opinião, a melhor que participei, tendo em vista dos temas que foram abordados, e dos convidados, esta vai ficar marcada pois está de excelente nível, e tudo que está acontecendo tem sido de grande valia para nós”, salientou. E o aluno Osmar Pandolfo, pastor distrital da AD Morro do Meio em Joinville, participa da Escola Bíblica há 3 anos desde que chegou para trabalhar na Obra de Deus na cidade, “e desde o primeiro que cheguei já frequento a EBOJ todos os anos, nunca perdendo um dia de aula”, salientou, “tem servido pra mim como um cabidal de conhecimento, com uma estrutura teológica, como uma edificação para meu ministério, muito grande para minha vida familiar, social e ministerial”, concluiu o pastor.

A Escola Bíblica de Obreiros em Joinville reúne os obreiros de Joinville e região desde 1996 com estudos sistemáticos da Bíblia Sagrada, para o pastor Joel Montanha, coordenador da EBOJ, a escola tem alcançado seus objetivos, “nós idealizamos a escola para as pessoas que desejavam ser obreiros e as que já eram obreiros que queriam novos conhecimentos, de congregações – professores da EBD, porteiros, líderes de departamentos, auxiliares, diáconos, presbíteros, evangelistas e pastores – enfim, aqueles que desejavam mais informações bíblicas, assim, surgiu esta idéia de trazermos palestrantes de fora de Joinville para ministrarem matérias numa grade curricular estabelecida que complete o básico em teologia”, salientou o coordenador. De seis em seis anos a Escola Bíblica de Obreiros forma uma turma no básico em teologia, “sempre com professores da cidade e de outras cidades com novas falas das matérias que possivelmente esses alunos já escutaram aqui”, informou o pastor Joel.

Além do ensino teológico aos alunos obreiros, alunos não crentes freqüentam a Escola e tem ocorrido a salvação de almas, “olha, temos salvação de almas e isto me impressiona, porque numa escola bíblica se inscreve pessoas que não eram crentes e no meio desta escola entregarem a Cristo como aconteceu, é algo extraordinário”, disse o coordenador da EBOJ satisfeito com os resultados.

veja também