Assembleiana concorre ao Prêmio faz diferença, do O Globo

Evangélica concorre a prêmio do jornal O Globo

Atualizado: Terça-feira, 18 Dezembro de 2012 as 7:21

 

A professora Elida Hederick Vieira, membro da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo na Penha (RJ), abrigou em sua casa a nigerina Hadijatou Anadou, que tinha sido furtada e perdeu passaporte e dinheiro durante a Rio+20. O ato de solidariedade de Elida se tornou público e a fez ser indicada e estar concorrendo ao ‘Prêmio Faz Diferença’, do O Globo. 
 
Elida, que é tradutora e estava estava no aeroporto acompanhando outros estrangeiros que participaram da conferência, viu Hadijatou aos prantos depois de ter sido impedida de embarcar de volta para o seu país. Sem pensar duas vezes, a levou para sua casa na Penha. Além de abrigar e dar carinho à nigeriana, Elida conseguiu toda a documentação necessária. A funcionária do Ministério da Educação da República do Níger, na África, que veio representar seu país na Rio+20, poderia ter saído do Rio de Janeiro com uma péssima impressão da cidade. No entanto, quando foi embora agradeceu a todos, deixou bilhetes e partiu prometendo voltar à cidade que lhe acolheu com carinho.
 
 
Com informações do Verdade Gospel

veja também