Atleta adventista é recordista nacional e entra para o Rank Brasil

Atleta adventista é recordista nacional e entra para o Rank Brasil

Atualizado: Terça-feira, 1 Novembro de 2011 as 10:50

É fato comprovado pela ciência e amplamente divulgado nos meios de comunicação que fazer exercícios, como natação, caminhada e correr, por exemplo, faz bem á saúde. Alguns correm por puro prazer, há os que correm por recomendação dos médicos e outros por serem atletas. Este é o caso do ultramaratonista pernambucano José Cristiano de Oliveira, adventista há 7 anos, que quebrou o recorde brasileiro de maior percurso em menor tempo, entrando para o RankBrasil, na última semana de setembro, depois de uma ultramaratona que exigiu dele superação dos próprios limites físicos e psicológicos. 

Apesar de todas as dificuldades que encontrou pelo caminho, ele percorreu 480km em quatro dias, duas horas e 30 minutos, entre as cidades de Natal no Rio Grande do Norte e Cupira, cidade do interior pernambucano localizada a 180km do Recife. No trajeto Cristiano percorreu três estados brasileiros passando por diversas cidades. Esse desafio no atletismo foi o maior projeto de sua carreira.

Cristiano de 33 anos, começou a praticar atletismo aos 28. É atleta de super resistência e corre provas de ultramaratonas sempre acima dos 100km. O seu marco anterior foi correr 170Km entre Recife e Cupira.

Foram alguns meses de preparação onde nesse período o atleta chegava a treinar initerruptamente por 25 a 26 horas seguidas, chegando a distâncias próximas dos 200Km. Ele contou nesse período preparatório com o auxilio de 4 profissionais da área da saúde. Sendo um treinador, uma nutricionista, um enfermeiro e uma massagista, além de 5 pessoas que participavam do apoio. O feito foi noticiado nos maiores órgãos de imprensa nacional, como Rede Globo, Band, SBT e Rede Record, sendo vinculado em vários programas em suas grades de programação.

Para a homologação do recorde, os fiscais do RankBrasil Luciano Cadari e Robson Martins estiveram presentes na ultramaratona, em um dos carros de apoio.

Para Cristiano “essa é uma forma de fazendo o que gosta, divulgar a mensagem adventista de saúde”.

veja também