Ator cristão diz que para lutar contra a Covid-19 e o ódio, é preciso ‘vacina e amor de Deus’

Mr. T tem falado frequentemente sobre sua fé e aproveitado cada oportunidade de compartilhar o seu testemunho, inclusive em rede nacional, na televisão.

fonte: Guiame, com informações do Faith Wire

Atualizado: Terça-feira, 19 Janeiro de 2021 as 11:38

Mr. T atuou em filmes conhecidos, como "Rocky III - O Desafio Supremo" e séries de TV, como "Esquadrão Classe A". (Foto: Brad Barket/Getty Images)
Mr. T atuou em filmes conhecidos, como "Rocky III - O Desafio Supremo" e séries de TV, como "Esquadrão Classe A". (Foto: Brad Barket/Getty Images)

Do ponto de vista do ator e lutador profissional aposentado, Laurence Tureaud (conhecido pelo nome artístico Mr. T), os Estados Unidos e o mundo estão no meio do combate a dois vírus: a COVID-19 e o ódio entre as pessoas.

“Recebemos vacinas para COVID-19 e o Amor de Deus para todos os que sentem ódio!” escreveu Mr. T. “A vacina funciona quando é injetada em nosso braço! O Amor de Deus funciona quando você O convida para entrar em seu coração!”.

Um dia depois da publicação em seu Twitter, Mr. T, que usa sua conta na rede social como uma forma de compartilhar sua fé cristã e expressar suas opiniões sobre o que está acontecendo no mundo, citou Mateus 5:44, que diz: “Mas eu lhes digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem” (NVI).

“A admoestação 'ame seus inimigos'”, explicou ele, “é uma das maiores declarações que Jesus já fez. O amor nesta passagem é o amor que se origina do próprio Deus”.

Testemunho

Mr. T tem falado frequentemente sobre sua fé e aproveitado cada oportunidade de compartilhar o seu testemunho, inclusive em rede nacional, na televisão.

Durante uma entrevista de 2018 com Larry King, ele destacou que deve a Deus o sucesso que teve em sua carreira, o que lhe permitiu doar muito dinheiro para várias instituições de caridade e muitas causas.

“Eu sou cristão”, disse ele. “Então, Deus me encontrou. Deus arranjou as coisas para mim”.

Quando foi um dos competidores do programa "Dancing with the Stars" (“Dançando com as Estrelas”), da emissora ABC naquele ano, ele falou sobre como confiou em Deus durante sua luta contra o câncer em 1995, de acordo com o The Christian Post.

“Antigamente, eu tinha dinheiro, carros”, disse ele aos jurados da competição. “Eu tinha alcançado o que queria alcançar e então tudo realmente parou. Eu invoquei a Deus. Eu disse: ‘Deus, me dê forças para fazer a Sua vontade’. Foi então que me ocorreu: ‘o que é real?’ Minha fé em Deus, isso era real, porque somente Deus poderia me salvar”.

Uma das juízas, Carrie Ann Inaba, disse ao ator que ele estava "definitivamente conquistando os corações" depois de assistir a ele e sua parceira de dança, Kym Johnson-Herjavec, se apresentar com a valsa de "Amazing Grace". Ela continuou dizendo: “Sua fé irradiou de você naquela dança e forneceu a todos nós um outro nível de fé. … Foi cheio de graça”.

“Também estou emocionada porque Deus é bom”, acrescentou a juíza Julianne Hough.

Bruno Tonioli, um dos outros jurados do programa, disse ao Mr. T que ele é "um bom homem" e "um homem com um coração de ouro".

“Sua fé está inspirando a todos nós”, continuou ele, “não apenas no estúdio, mas milhões de pessoas estão assistindo a isso e agora estão comovidas com o que você fez”.

veja também