Ator cristão processa revista americana por divulgação de vídeo íntimo

Ator cristão processa revista americana por divulgação de vídeo íntimo

Atualizado: Quarta-feira, 12 Fevereiro de 2014 as 8:04

Ator cristão processa revista americana por divulgação de vídeo íntimoAgora convertido ao evangelho, o ator Isaac  Kennedy entrou recentemente com um processo contra a editora Johnson Publishing Company - responsável pelas publicações da revista afro-americana "Ebony" - pedindo uma indenização de US$ 1 milhão (dólares). O motivo da ação seria o suposto vazamento de um vídeo antigo, no qual o ator aparece tendo relações sexuais com sua primeira esposa, a modelo Jayne Kennedy Overton.
 
Segundo informações passadas pela justiça norte-americana, Isaac está tendo grandes prejuízos, devido ao cancelamento de eventos em seu atual ministério evangelístico. O vídeo teria gerado uma repercussão negativa para o atual trabalho do ator.
 
Na época em que se divorciou amigavelmente de Jayne, em 1981, Kennedy falou abertamente com a revista sobre a separação. Porém em 2013, a "Ebony" teria usado este depoimento como plano de fundo para a publicação do vídeo.
 
No texto da matéria sobre Kennedy, a revista determina que o ator teria sido a pessoa responsável pelo vazamento da fita. Porém, Isaac se defendeu, revelando que a fita foi tomada por um terceiro na década de 1990, sem o "conhecimento, consentimento ou participação" do ator.
 
Com informações do Christian Post (em português)
 
 

veja também