Bebê sobrevive ileso a tiroteio que atingiu carro da família: "Jesus nos salvou"

O veículo foi atingido por três balas, uma delas atingiu a lateral onde a recém-nascida Abigail estava dormindo.

Fonte: Guiame, com informações de CBS46 NewsAtualizado: quinta-feira, 28 de abril de 2022 15:28
Um dos tiros atingiu a lateral do carro, onde o bebê estava dormindo. (Foto: Reprodução/CBS46).
Um dos tiros atingiu a lateral do carro, onde o bebê estava dormindo. (Foto: Reprodução/CBS46).

Uma mãe, nos Estados Unidos, está dando crédito a Deus por ela e sua família, incluindo seu bebê recém-nascido, terem sobrevivido a um tiroteio que atingiu seu carro no estacionamento de um shopping na cidade de Clayton County, na Geórgia.

Kristy trabalha como entregadora de pedidos do Uber Eats para sustentar a família. Em entrevista ao canal de TV local CBS46, ela contou que na manhã do último sábado (23) dirigiu até o local para buscar um pedido de um restaurante, junto com seu marido com deficiência e sua filha Abigail, de dois meses.

A mãe explicou que como a recém-nascida não toma mamadeira, ela leva a criança junto quando sai para trabalhar para caso precise amamentar. 

“Acabei de receber a comida”, lembrou Kristy. “Estou saindo, em direção à saída, e foi aí que os tiros foram disparados e todos correram para os fundos”.

A entregadora disse que ouviu uma enxugada de tiros por duas vezes e quando o caos parou, ela conseguiu sair e retornar ao carro. Ela encontrou três buracos de bala no veículo. 

Uma das balas atingiu a lateral do carro, bem onde a bebê Abigail estava dormindo, e saiu pelo banco do motorista. 


Um dos tiros atingiu a lateral do carro, onde o bebê estava dormindo. (Foto: Twitter/Zac Summers).

“Eu a peguei e a segurei. E eu estou verificando ela e eu simplesmente não podia acreditar porque o tiro, se tivesse ido direto, a teria matado”, contou Kristy. 

O bebê e seu marido saíram ilesos do tiroteio. Para a mulher, Deus livrou sua família das balas perdidas. “Eu sei que Yahweh, Jesus nos salvou, que ele nos protegeu”, testemunhou ela.

A mãe afirmou que não está mais pegando pedidos na área do shopping onde o incidente aconteceu. Kristy confessou que ainda está processando o fato de que quase perdeu sua filha.

“Estou apenas falando com ela: 'Estou tão feliz que você está comigo. Que não a machucou. Estou tão feliz’”, disse ela segurando o bebê, com lágrimas nos olhos. 

De acordo com um porta-voz do Departamento de Polícia do Condado de Clayton, os investigadores concluíram que o incidente se tratou de um tiroteio sem vítimas e que muitos carros foram danificados.



Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições