'Campanha por mais beijos lésbicos nos cultos de Marco Feliciano' ?

'Campanha por mais beijos lésbicos nos cultos de Marco Feliciano' ?

Atualizado: Quinta-feira, 19 Setembro de 2013 as 7:32

Campanha lésbica
 
No Facebook, nova campanha de afronta a Marco Felicino está sendo divulgada.
 
Dessa vez a ação utiliza a imagem de um beijo entre duas mulheres com a frase 'Campanha por mais beijos lésbicos nos cultos de Marco Feliciano'.
 
A campanha é em resposta ao que aconteceu no último domingo, em São Sebastião, quando duas jovens se beijaram em frente ao palco em que o pastor pregava e foram retiradas por guardas municipais do local.
 
Como era de se esperar, o ocorrido gerou polêmica e fomentou o ódio dos ativistas gays contra Marco Feliciano.
 
Em seu blog, Luciano Ayan escreveu um comentário sobre a polêmica campanha. "A fase atual do jogo da esquerda contra os cristãos já não é mais a demonização (que os neo-ateus tem feito com talento inacreditável desde 2004), mas a desumanização (...) Vejamos. Alguém pode ir na Passeata Gay dizer que homossexualismo é uma aberração? Não, não pode. Alguém pode obrigar os membros de um grupo de estudos intitulado “Fundação Richard Dawkins” a serem vítimas de baderna de teístas? Não, não pode. Por que essas pessoas devem ser respeitadas de acordo com a lei? Por que, obviamente, são seres humanos que merecem ter seus direitos respeitados. E, então por que os cristãos que estão em um culto não podem ser respeitados da mesma forma? Por que aqueles que são “menos humanos” não merecem o mesmo direito que os demais humanos. Esta é a ideia abominável por trás da maioria das ações recentes de gayzistas contra os religiosos."
 
E, mais uma vez, fica a pergunta: A intolerância é de quem mesmo?
 
 

veja também