Cantor de hip hop cristão conta que se perdeu no mundo, mesmo frequentando a Igreja

Em seu testemunho, Justin Berry dá detalhes de como Deus se comunicou com ele, por diversas vezes, até que voltasse ao caminho certo.

Fonte: Guiame, com informações de God ReportsAtualizado: quinta-feira, 2 de dezembro de 2021 17:38
Justin Berry, conhecido por JBThaPreacher. (Foto: Reprodução/Intagram)
Justin Berry, conhecido por JBThaPreacher. (Foto: Reprodução/Intagram)

Justin Berry, de 20 anos, cresceu em Ladera Heights, em Los Angeles, EUA. Ele costumava ir à igreja com sua mãe e irmão desde a infância. E foi na Lighthouse Christian Academy — escola secundária preparatória para a faculdade — que ele conheceu Trina.

Por se destacar nos esportes e entre os alunos ele foi aceito na faculdade dos seus sonhos: a UCLA (Universidade da Califórnia em Los Angeles). Apesar de eufórico, ele disse que se sentiu estranho. 

Na hora de “apertar o botão aceitar”, eletronicamente, Justin disse que ouviu Deus dizer que ele deveria estudar em outra universidade. “Algo estava me impedindo de apertar aquele botão”, lembrou.

Entre o sonho humano e o sonho de Deus

“Comecei a chorar muito porque eu queria ir pra lá. Seria uma grande oportunidade para minha carreira”, disse.

Quando contou seu dilema à mãe, ela o convenceu de que era “o inimigo interferindo”, por isso ele voltou e apertou o botão, aceitando ingressar na UCLA.

“O que poderia dar errado?”, ele pensou ao lembrar que tinha uma linda namorada e iria estudar na melhor faculdade. Logo, ele apenas focou na “bênção de Deus tão evidente” em sua vida. Porém, as coisas não eram o que parecia ser. 

Abandonando Deus

Justin e Trina caíram em várias tentações juntos. “Foi um ano difícil. Parei de orar e deixei meu relacionamento com Deus morrer. Substituí Deus por Trina. Ela passou a ser meu ídolo”, contou.

Justin ainda frequentava o grupo de jovens da igreja, mas passou a orar em lágrimas num lugar que ele revela como “estranho” para alguém fazer isso — no banheiro. 

“Era no banheiro que eu ainda confessava que ainda amava a Deus”, disse. Até que, numa noite, o pastor proclamou profeticamente: “Há alguém aqui que Deus já está pedindo há algum tempo para desistir de algo. E você precisa desistir agora mesmo”, disse o pastor.

Palavra profética

Assustado, mas convicto da presença do Espírito Santo naquele momento, Justin confessou ao pastor que aquela mensagem era para ele. Na mesma noite, ele terminou com Trina. 

Foi a decisão mais difícil de sua vida até aquele momento, mas disse que reconheceu que seu amor pela garota estava em guerra com seu amor por Deus.

Chateado e confuso, ele chamou um Uber. Assim que colocou o cinto de segurança, o motorista do Uber voltou-se para ele e disse: “Porque você obedeceu a Deus, Ele vai abençoá-lo”.

Quando Deus decide “falar”

Assustado ainda e com o coração partido, Justin disse que ficou maravilhado . “Uau, isso é loucura”, ele disse. O motorista contou que tinha sido instruído por Deus a fazer uma curva em U, depois virar à direita e então esperar ao lado da estrada pelo seu próximo passageiro. 

Segundo o motorista, Deus disse a ele para profetizar aquelas palavras para quem quer que fosse. E Justin foi o próximo passageiro. Porém, ele questionou se aquilo não era apenas uma coincidência. 

O motorista então, disse que para dissipar aquela dúvida, Deus tocaria no rádio sua canção de adoração favorita. E, imediatamente, começou a tocar “Tudo o que preciso é de ti, Senhor”.

“Isso realmente me fez chorar. Deus sabia de tudo. Foi o milagre da misericórdia de Deus em minha vida. Inconfundivelmente, Deus estava chamando Justin para se arrepender e ser revigorado por sua graça.

Mas, mesmo assim…

Mesmo assim, depois de meses, Justin voltou a se encontrar com Trina. Mesmo sabendo que aquilo era errado. Ele disse que acabou perdendo o controle novamente.

“Mesmo depois que Deus se revelou a mim, voltei a pecar”, reconheceu ao dizer que cometeu pecados sexuais, usou drogas e fez coisas horríveis que achou que nunca faria. 

Justin e Trina terminaram de novo o namoro. “Na última vez, para tentar me acertar com Deus; desta vez, foi uma separação ruim e sem um bom motivo. Na verdade, comecei a odiá-la, achando que ela era uma pessoa ruim, explicou. 

“Na UCLA, eu estava ficando louco fazendo todas essas coisas que não deveria estar fazendo, tendo o estilo de vida das festas da faculdade. Foi divertido, mas eu fiquei vazio por dentro”, admitiu. Veio então a depressão e a escuridão. 


Trina e Justina, atualmente. (Foto: Reprodução/Instagram)

Reencontro com Deus

Num domingo, Justin decidiu ir à igreja. Ele conta que, após o culto, Deus disse a ele: “Fones de ouvido, fones de ouvido, fones de ouvido”. Ao voltar ao seu quarto, um dos colegas disse: “Aqui estão alguns fones de ouvido”. 

“E foi isso, ele me deu os fones e foi embora com os caras”, lembrou ao dizer que entendeu que Deus queria que ele ouvisse louvor e adoração, por isso ele chorou. 

“Depois de virar as costas para Deus tão drasticamente, Deus nunca deu as costas para mim. Oh meu Deus, Deus, você ainda me ama depois de um ano negando você?”, lembra que disse essas palavras se sentindo maravilhado. 

Foi quando ele perguntou o que Deus queria dele e ouviu a resposta: “Saia da UCLA”. 

“Tenho a tendência de dizer ‘não’ a Deus”, disse arrependido. Mas se lembrou do ano desastroso que teve. Ainda para sua confirmação, durante uma reunião profética, Justin contou que um cristão que não sabia nada de sua vida, teve uma visão. Ele disse que via placas da UCLA em azul e branco com muitas palavras em vermelho: “Saia”.

“O Espírito Santo reviveu em mim”

Então, por que será que a mãe de Justin disse que era o diabo impedindo-o de apertar o botão e aceitar o convite para entrar na UCLA? Ele se lembrou disso e foi falar com ela. 

Quando chegou lá, ela se antecipou dizendo que já estava sabendo que ele deveria deixar aquela faculdade e que, na verdade, na época ninguém estava entendendo a vontade de Deus.

Depois de tomar a decisão e sair da UCLA, Deus disse para Justin procurar Trina, que, assim como ele, também tinha um dom voltado para a música e seguia com sua vida numa carreira musical cristã. 

Ela contou que havia recusado um contrato de gravação porque queria Deus e não a fama. Naquele momento, Justin se lembrou que, enquanto ele desejava o mundo, Trina buscava a Deus. “Foi quando o Espírito Santo reviveu em mim, e disse: Essa é a sua esposa”. 

Justin aprendeu a seguir as instruções de Deus, se matriculou na Azusa Pacific University, uma faculdade cristã onde Trina já estudava. Ele a pediu em casamento e ela aceitou.

Atualmente, Justin produz música cristã em Los Angeles e dirige o único estúdio desse gênero musical no estado. Ele é conhecido por JBThePreacher no Spotify, onde faz hip hop cristão.

Ele aprendeu a parar de dizer “não” a Deus e participa ativamente do chamado divino em sua vida, dentro de um ministério musical. “Deus é tudo e o propósito Dele é que a gente viva perto Dele, sendo justo e feliz. O que Ele eu mandar fazer, eu faço”, concluiu. 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições