Carta a uma Senhora Americana

Carta a uma Senhora Americana

Atualizado: Sexta-feira, 20 Março de 2009 as 12

Carta a uma Senhora Americana

Em 1950, C. S. Lewis iniciou uma correspondência com uma senhora americana que ele nunca conheceria pessoalmente. Treze anos mais tarde, sua vida — e cartas — chegaram ao fim. Essas cartas revelam facetas da personalidade de Lewis que são pouco conhecidas mesmo dos grandes admiradores de suas obras.

Aqui está o homem Lewis — generoso, sábio, compassivo, notavelmente humano. E, o que é mais significativo, aqui está o Lewis cristão — encorajando com toda a paciência outra cristã a passar pelas vicissitudes da vida cotidiana. Um livro encantador em que estão expressos o afeto e a compaixão de Lewis, bem como sua inteligência notável e seu relacionamento apaixonado com Deus.

veja também