Chamas de fogo abrem acampamento de desbravadores no Norte do Brasil

Chamas de fogo abrem acampamento de desbravadores no Norte do Brasil

Atualizado: Sexta-feira, 24 Setembro de 2010 as 10:53

 As tochas de fogo que adentraram a a arena representam a fé persistente. Representantes dos quase duzentos clubes presentes carregaram as tochas e participaram da abertura do VII Campori da União Norte Brasileira (UNB) em Paragominas, PA.

A cerimônia de abertura foi incrementada com fogos de artifício, cenário bem elaborado e a representação teatral da história do personagem bíblico Daniel e o sonho  do rei Nabucodosor.

Autoridades civis prestigiaram o evento e foram homenageados com a entrega de troféus. Estiveram presentes o prefeito de Paragominias, Adnam Demaschik, o vereador Paulo Brega, o presidente do Sindicato Rural Miguel Ângelo Scaramussa e a representante da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, Alessandra Nascimento.

Autoridades eclesiásticas das Associações e Missões da UNB e o líder de Desbravadores para a Divisão Sul Americana, o pastor Areli Barbosa participaram na progamação. O pastor Areli Barbosa falou sobre o  tema do campori  “Fé em Fogo” e descreveu a história do personagem bíblico Daniel. “A provação de Daniel é igual a sua”, disse o pastor Areli, “Daniel lutou para se manter puro, como você também luta”.

O quarteto Cânticos Vocal, do Paraná, e o trio Portal, do Peru, apresentou música cristã que agradou ao público participante da abertura do evento.

A persistência do desbravador foi representada por um grupo de  10 ciclistas que pedalou 320 quilômetros para participar da cerimônia de abertura do campori. Os ciclistas são membros do Clube de Desbravadores Gustavo Storck, de Belém, PA e já são experientes nas longas viagens de bicicleta. Esse grupo viajou de bicivleta para participar dos últimos três camporis da UNB.

A abertura do Campori ainda chamou a atenção de redes de televisão e outras mídias da região. Durante os quatro dias do evento, a programação noturna conta com a transmissão do informativo Campori Notícias. Jornalistas, cinegrafistas e técnicos de áudio e vídeo de toda a UNB estão trabalhando no informativo que despertou o interesse dos juvens e adolescentes pela infraestrutura do evento  

veja também