Clínica Adventista Vida Natural completa 30 anos

Clínica Adventista Vida Natural completa 30 anos

Atualizado: Quinta-feira, 16 Dezembro de 2010 as 11:20

A Clínica Adventista Vida Natural completou no último domingo, dia 12 de dezembro, 30 anos de existência.  A comemoração aconteceu na própria clínica e foi celebrada com um culto de ação de graças e um coquetel de confraternização. Estiveram presentes cerca de 200 pessoas, entre líderes, funcionários, hóspedes e pessoas que fizeram parte da história do lugar. O grupo Prisma Brasil apresentou mensagens musicais.

  Um pouco de história - O pastor Sidionil Biazzi e sua esposa, Elisa Biazzi, foram uns dos idealizadores do projeto, baseados nos estudos que eles fizeram sobre saúde.  A propriedade foi adquirida no dia 08 de dezembro de 1980 e o sonho se tornou realidade. O pastor Osmundo Graciliano dos Santos Jr. foi um dos negociadores da compra, acompanhado do pastor Lauro Grellmann. A Clínica Adventista de São Roque – como ficou conhecida – tinha como foco a implantação de tratamentos naturais e vida saudável.

“Fazer parte desses 30 anos é uma coisa maravilhosa. Tive o privilégio de ver a clínica nascer, desenvolver-se, tornar-se adulta e hoje estar em ótimas condições de atendimento”, disse o pastor Biazzi. Manfred Krusche foi um dos pioneiros da clínica e considera os 30 anos da clínica um marco na sua vida. “Nós decidimos que deveríamos ter um centro que pudesse tratar as pessoas um pouco diferente do que se faz no hospital. Sentimos que Deus tem nos abençoado e esperamos que isso continue nos próximos 30 anos”, enfatiza o cardiologista.

Gumercindo Alves Martins foi administrador da clínica nos anos de 2000 e 2001 e a considera um trabalho de evangelismo de grande importância. “Eu saí convencido que nós precisamos ter mais clínicas dessas no Brasil e em todo o mundo. Trazer a boa saúde para os nossos irmãos e amigos, para a preservação e correção da saúde”, disse o administrador.

Testemunho - Várias pessoas foram homenageadas, inclusive a médica Sandra Armada dos Reis – natural da Angola – que conheceu a clínica em 2002. Ela tinha câncer na tireoide, foi operada, fez radioterapia e quase faleceu.  Ela veio para clínica e ficou boa, mas retornou há um mês em virtude de um tumor no cérebro.  Para ela, a clínica significa três coisas: fé, amor e vida. “Foi isso que eu encontrei aqui e encontro sempre. Cada pessoa que está aqui e faz o seu trabalho – por menor que seja – nos transmite isso com todo coração. Além do amor de todos vocês e da fé que eu tenho, eu sei que Deus vai operar um milagre em mim”, disse a hóspede.   Ao final da programação, houve a apresentação de projetos futuros do departamento de engenharia da associação para a clínica.

veja também