Com a alegria de quem recebe algo que almejava

Com a alegria de quem recebe algo que almejava

Atualizado: Sexta-feira, 30 Novembro de 2012 as 11:38

 

Você já teve algum amigo que quando recebeu algo que almejava há muito tempo não parou de falar do assunto? Suponhamos que esse desejo era ter um carro. Assim que ele conseguiu, ele levou pra você conhecer, no almoço ele falava do carro. No jantar? Carro. Saindo com a namorada qual era o papo? Carro. Ele tinha realizado um sonho e quando o sonho bate na nossa porta a alegria é tão grande que não temos outro assunto.
 
Quando nos encontramos ou temos uma experiência com Jesus também é assim. Nossa vida é transformada de tal maneira que não temos outro assunto, se deixar a falamos de Jesus até pro bichinho de estimação. Mas o tempo passa, e assim como o assunto do carro vai passando, muitos de nós esquecemos os momentos iniciais do primeiro amor com Cristo.
 
Em Mateus 7.13 e 14, Jesus nos fala sobre “as portas e os caminhos”. Lembramos que a porta é estreita mas esquecemos do restante do versículo que diz que “estreito/difícil” é todo o caminho. Jesus nos alerta que a caminhada com Ele não será fácil e que a vida se encarregará de nos tirar do foco. Nosso objetivo é ir sempre a Ele para que mesmo durante os dias mais difíceis do caminho estreito, a chama daqueles primeiros momentos, do primeiro amor nunca se apague.
 
Que possamos ir a Ele hoje, amanhã e sempre com a felicidade e a gratidão dos momentos iniciais de quem recebe um presente tão esperado.
 
 
por Felipe Heiderich
via Facebook
 

veja também