Conheça o trabalho da Igreja Metodista no combate às drogas

Conheça o trabalho da Igreja Metodista no combate às drogas

Atualizado: Terça-feira, 10 Maio de 2011 as 9:59

SOS - Vida - Ministério de Prevenção ao uso indevido de drogas

A administração do SOS VIDA, conta com uma equipe de profissionais voltados para tratar dos mais diversos casos de Dependência Química.

O SOS Vida mantém ainda um sítio com 140.000 m2 na localidade de Araçá, para internação dos dependentes químicos.

O SOS VIDA Exerce atividades específicas de atendimento a pessoas com dependência química, mediante internação no Centro de Tratamento e do acompanhamento Psico / social do dependente e da família.

O ministério SOS Vida tem a finalidade de desenvolver atividades específicas de recuperar o ser humano (dependente químico), visando restaurar a sua vida, trazendo-o de volta ao convívio da família e da sociedade.

O SOS Vida possui Certificado de Registro junto ao Conselho Municipal de Saúde de Cabo Frio.

Possui também o título de utilidade pública Municipal

Atividades Terapêuticas Auxiliar ao residente a conscientizar-se a cerca da dependência química e seus malefícios através da identificação com o problema;

Reconhecer a necessidade de ser ajudado;

Levar o residente a identificar seus sentimentos, e conseqüentemente lidar melhor com eles;

Identificar suas qualidades;

Identificar responsabilidades;

Reconhecer possibilidades de superar

Encontrar motivação para mudança;

Vivenciar novas perspectivas;

Voltar ao convívio social;

Readaptar-se a rotina de trabalho;

Lidar com derrotas e vitórias;

Refletir sobre a importância do Poder Superior.

TRATAMENTO O programa de tratamento do SOS Vida tem alcançado índices surpreendentes de recuperação.

Voltado para a prestação de um serviço de utilidade pública, e especializado no restabelecimento da saúde de dependentes  químicos, atende pacientes do sexo masculino com idade entre 18 e 50 anos.

O período de internação é de 3 meses.

A proposta da instituição visa seguir uma vida saudável, buscando o resgate dos valores humanos e da espiritualidade.

Para isso, é necessário muita disciplina, acompanhada de um apoio terapêutico tanto individual quanto coletivo.

Corpo mente e espírito. O querer voluntário do paciente é o pré-requisito fundamental para se ingressar no SOS Vida Ressocialização do Dependente

Pós-tratamento

A experiência mostra que o paciente após o seu tratamento na comunidade precisa de dois anos em média para se afirmar e reintegrar-se à sua nova vida.

Durante esse período, existem retornos terapêuticos periódicos, visando dar apoio para que o indivíduo siga sua trajetória de vida e encontre seu próprio caminho.Buscar, sempre que possível, o apoio de empresários para reinserção do recuperado em atividade laborativa imediatamente após a sua alta.

Trata-se de fazer um trabalho junto ao empresariado buscando o aproveitamento dessa mão de obra dos recuperados, o que muito auxilia na consolidação da “CURA”.

O incentivo recebido tem alto valor  terapêutico na personalidade do dependente químico.

A aceitação deles na sociedade operativa, muito ajuda pela confiança que lhes é depositada.

Crer e esperar o completo restabelecimento de uma pessoa é gratificante e encorajador, colaborando de maneira definitiva na restauração da auto imagem do recuperado.

Constituição Física do SOS Vida

Núcleo Central de Atendimento:

Ig. Metodista Central de Cabo Frio.

(4 salas ). Neste local, são realizados os procedimentos preliminares com o dependente químico, mediante os seguintes atendimentos:

*Psicológicos.

* Reuniões dos grupos de ajuda mútua.

*Pós-tratamento.

Centro de tratamento – localizado em um sítio na zona rural do Município de Cabo Frio. *Sede Principal Raúl Veiga, 150 - Cabo Frio, RJ. Cep 28907-090

*Coordenador Geral Pr. Eduardo *Tel: 022 2643 3816 – 2647 6035

*Comunidade Terapêutica Araçá 2° Distrito de Cabo Frio

*Administrador:Jonatas C. Carvalho

*Tel: 022 2630 1017 – 9946 52 38

*[email protected]

veja também