Conselho dos Ministros de Porto Velho apresenta ações da prefeitura

Conselho dos Ministros de Porto Velho apresenta ações da prefeitura

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:55

Em uma reunião com o Conselho dos Ministros Evangélicos de Porto Velho e Arredores (Comep), na terça-feira, 15, na sede da Igreja Batistas das Nações (IBN), o prefeito Roberto Sobrinho fez um pequeno balanço das ações que estão sendo realizadas pela prefeitura da capital, focando três setores: transporte e trânsito, saúde e educação. No encontro com os pastores acompanharam o prefeito os secretários Marcelo Fernandes, da secretaria municipal de Obras (Semob); Israel Xavier, da secretaria municipal de Projetos e Obras Especiais (Sempre), Mário Sérgio Teixeira, da Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano (Emdur), a chefe de gabinete, Mirian Saldaña e do assessor especial do prefeito, Wilson Corrêa.

Na ocasião, além de apresentar o balanço, Roberto Sobrinho também abriu espaço para que a platéia formulasse perguntas para serem respondidas ou por ele ou pelos secretários presentes. O encontro durou cerca de três horas e foi considerado proveitoso, tanto pelo gestor municipal como pelos pastores evangélicos. “Essa é uma iniciativa que já está se tornando habitual em nossa administração. Não é a primeira vez que reúno com os pastores de Porto Velho para apresentar esse balanço. É também uma forma de reunirmos com as principais lideranças desse importante segmento religioso”, disse o prefeito. Na ocasião, atendendo uma demanda do Comep, Roberto Sobrinho, confirmou a doação do terreno para a construção da sede da entidade.

O pastor Carlos Nóbrega, presidente do Conselho dos Ministros Evangélicos de Porto Velho, destacou a presença do prefeito e adiantou que a reunião foi importante para esclarecer algumas dúvidas da comunidade evangélica, com relação as ações da prefeitura da capital. “Mais uma vez, o prefeito faz essa espécie de prestação de contas. E como é comum a gente ouvir algumas críticas sobre a atuação da prefeitura, esse esclarecimento é importante para que possamos passar essas informações às outras pessoas. Porque uma coisa é o que se fala e outra coisa é o que realmente está acontecendo”, frisou o presidente do Comep.

O prefeito sugeriu ainda que a entidade elabore uma agenda de trabalho junto com a prefeitura, sobre as ações sociais. O Comep ficou de se reunir na próxima semana e apresentar suas demandas ao prefeito.

Trânsito No encontro com os pastores, o prefeito Roberto Sobrinho, lembrou que o desenvolvimento econômico que vive a capital de Rondônia hoje, por conta das grandes obras que estão em execução no município, traz não só impactos positivos, mas também negativos. Um deles é o “estrangulamento” do trânsito com o aumento da frota de veículos, e consequentemente, o aumento do número de carros circulando. Em média, são 1,5 mil novos carros que entram em circulação por mês em Porto Velho, capital que nos últimos anos tem registrado em termos proporcionais, o maior índice do aumento da frota de veículos do país. A facilidade de se adquirir um carro, aliado ao bom momento econômico e a taxa de emprego em alta, contribuíram para essa “explosão” na comercialização de automóveis.  Uma das intervenções que o município está fazendo para minimizar esse impacto é a construção de seis viadutos em pontos de estrangulamentos do trânsito, principalmente na zona Sul (Avenida Jatuarana e Trevo do Roque). Vinte quilômetros de marginais (10 quilômetros de cada lado da BR 364) no trecho, entre Areia Branca até a Faro, também serão abertas para melhorar a circulação de veículos naquela região. “Outra obra importante será o Arco Norte, que consiste na construção de uma estrada para desviar o tráfego de veículos pesados do centro da cidade. A estrada será aberta na altura da comunidade Santa Marcelina e vai até a balsa. Por essa estrada é que passarão a circular as carretas”, explicou o prefeito. Outros projetos que visam a melhoria do trânsito da capital são, a pavimentação de ruas e avenidas em vários bairros, obras que serão financiadas pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC II) e a abertura de vias, como foi feito com a 07 de Setembro, no sentido zona Leste. Ainda nessa área serão feito este ano, investimentos na melhoria da sinalização, tanto horizontal (placas) e vertical (faixas), como também na sinalização de destino/origem e nome das ruas. A prefeitura também está investindo na modernização do sistema semafórico, com os sinais sendo monitorados via computador.

Saúde Na saúde, o prefeito Roberto Sobrinho enfatizou que só este ano o município investirá mais de R$ 40 milhões para melhorar o sistema. São três Unidades de Pronto Atendimento (Upas) — pequenos pronto-socorro — que estão sendo construídos na zona Leste, Sul e no distrito de Jacy-Paraná. No interior, a prefeitura irá construir novas unidades de saúde em Extrema, Fortaleza do Abunã, União Bandeirantes, Calama e Nazaré, além da reforma dos postos de saúde de Nova Califórnia e Vista Alegre. Na área urbana, o prefeito entregará ainda este ano à comunidade um Centro de Especialidades Médicas, e oito unidades de saúde serão reconstruídas e passarão a integrar o Programa Saúde da Família (PSF). “Estruturando o sistema para melhorar o atendimento, todas essas unidades trabalharão com média e baixa complexidade, e quando elas estiverem funcionando irão contribuir para diminuir a pressão, na procura dos hospitais estaduais. Com isso, o município estará dando sua contribuição para que o sistema estadual de saúde saia do colapso que se encontra”, disse. Quatrocentos profissionais também estão sendo contratados e a prefeitura também amplia o número de equipes que trabalham no PSF. Quando assumiu, Roberto Sobrinho lembrou que existiam apenas 12 equipes para prestar esse serviço. Hoje já são 60 e até o final de seu mandato esse número deve subir para 80.

Educação Na educação, Roberto Sobrinho adiantou que está iniciando o calendário letivo diferente dos outros. É que nesse início de aula, a prefeitura estará inaugurando seis novas Escolas que contribuirão para ampliar o número de vagas na rede municipal de ensino. O prefeito também já autorizou a contratação de 300 profissionais. Até o final do ano, serão mais de R$ 25 milhões investidos na melhoria da educação na capital.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições