Crescendo na Fé

Crescendo na Fé

Atualizado: Terça-feira, 21 Setembro de 2010 as 9:16

"... pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele a de passar; e nada vos será impossível. " (Mateus 17: 20)

Queridos, tudo bem?

Que o amor de Deus a graça e paz de Jesus Cristo e a comunhão do Espírito Santo esteja contigo e com todos os que você ama no dia de hoje e para todo o sempre.

O texto acima dito por Jesus Cristo aos seus discípulos diz que se a nossa fé for do tamanho de um grão de mostarda (muito pequeno) daríamos ordem a um monte em nome de Jesus e este teria que nos obedecer, então porque não conseguimos fazer com que algumas das nossas orações sejam ouvidas, a Bíblia explica: "Replicou-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus. " (Mateus 4: 7)

As nossas orações muitas vezes vão completamente contra a vontade de Deus, ao invés de orarmos para buscar mais da presença de Deus, ao invés de orarmos pedindo a proteção de Deus para os missionários, pastores, evangelistas, etc., pessoas que estão na linha de frente de uma batalha, muitas vezes fazemos da oração algo egoísta, ficamos vários minutos na presença de Deus, isso quando ficamos, pedindo por nós mesmos e esquecemos de interceder pela vida daqueles que estão levando o Reino de Deus a todos os povos, línguas e nações, esquecemos de agradecer a Deus por tudo o que Ele já fez por nós, as nossas orações se baseiam claramente no pedir e não no agradecer, se Deus não atende prontamente a algo que pedimos já ficamos desestimulados de orar e buscar a presença dEle, a Bíblia diz em Mateus 6: 33 "Mas buscai primeiro o Seu reino e a Sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. " Jesus não nos ensinou a buscar as bênçãos de Deus em primeiro lugar Ele nos ensinou a buscar o Abençoador em primeiro lugar e as demais coisas que realmente necessitamos Deus nos daria.

Agora o mais complicado ainda, pessoas com anos se intitulando cristãos, não conseguem andar com as próprias pernas em suas orações, por tudo o que Jesus Cristo nos ensinou chegamos à conclusão que devemos andar com as nossas próprias pernas depois de algum tempo aprendendo o básico da fé, se não veja: "Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque pensam que pelo seu muito falar serão ouvidos. Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes. " (Mateus 6: 6 a 8)

Jesus Cristo não disse que deveríamos depender dos nossos lideres para orar por nós, Jesus não disse que deveríamos pedir aos nossos irmãos que orassem por nós, claro que pedir oração aos nossos lideres e a irmãos que estão próximos faz parte da comunhão do corpo de Cristo, o problema é quando dependemos das pessoas para orar por nós, interceder a nosso favor, e nós não tomamos a posição correta perante a vontade de Deus, de nada vai adiantar, quando precisarmos de algo devemos nós mesmos pedirmos ao nosso Deus em nome de Jesus Cristo e dizer a Ele que a vontade dEle seja estabelecida sobre o assunto que estamos tratando, se ao invés de orarmos ficarmos dependentes da oração das pessoas vamos desagradar ao nosso Senhor, nós é que temos que orar a Deus em nome de Jesus Cristo. A Palavra do Senhor diz: "Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem. " (I Timóteo 2: 5) e mais "...Mas o Espírito mesmo intercede por nós com gemidos inexprimíveis. " (Romanos 8: 26) Deus quer se relacionar conosco de Pai para filho, Ele quer que nós falemos diretamente com Ele. Não é errado pedirmos oração a aqueles que são de Deus aqui na terra, mas não faça disso regra, a sua comunhão com Deus é muito mais importante e os efeitos são muitos melhores.

Se vivemos uma vida reta perante Deus nos bastará tomar posse das bênçãos que nos foram prometidas por Jesus, senão veja: "Em verdade, em verdade vos digo: Aquele que crê em mim, esse também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas; porque eu vou para o Pai; e tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu a farei. " (João 14: 12 a 14) E porque às vezes isso não acontece?

Não acontece porque às vezes preferimos pedir aos outros para orar por nós ao invés de nós mesmos orarmos, nós mesmos jejuarmos, nós mesmos consagrarmos a nossa vida completamente a Deus, nós mesmos nos posicionarmos em fazer o que é correto aos olhos de Deus. Não basta se declarar cristão para receber tudo o que Deus prometeu para nós, para alcançar as bênçãos de Deus integralmente temos que nos santificar temos que viver o que esta escrito em Mateus 16: 24 a 26 "Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me; pois, quem quiser salvar a sua vida por amor de mim perdê-la-á; mas quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á. Pois que aproveita ao homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? ou que dará o homem em troca da sua vida? " Será que de verdade negamos a nós mesmos e buscamos agradar nosso Deus? Ou será que ainda preferimos servir a dois senhores, a Deus durante o domingo e durante as atividades da igreja, e ao diabo no restante do nosso tempo? A Palavra de Deus é clara precisamos ter uma conduta irrepreensível para alcançar todas as bênçãos de Deus, do contrário teremos que viver de algumas migalhas que às vezes vão cair próximo a nós, Deus não quer nenhum dos seus filhos vivendo de migalhas, não que Ele seja um tirano, mas temos um inimigo e se não andarmos no Caminho que Jesus nos ensinou estaremos andando nos caminhos que não levam ao Pai, Deus quer que tenhamos todo o banquete que Ele preparou para nós. Para crecermos na fé temos que viver, em sua totalidade, o que esta escrito em toda a Palavra, um dos meus muitos textos preferidos na Palavra: "Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que outrora nem éreis povo, e agora sois de Deus; vós que não tínheis alcançado misericórdia, e agora a tendes alcançado ". Temos que ser e viver exatamente o que a Bíblia diz que somos, pense nisso.

Tudo isso, aqui, escrito é para divulgar a Palavra do nosso Deus e levar a vontade dEle ao maior número de pessoas possível, que Deus através destas palavras possa mostrar a quem lê, a Sua boa, agradável e perfeita vontade, tudo isso em nome do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Para Refletir;

"Na verdade, irmãos, eu não pude falar com vocês como costumo fazer com as pessoas que têm o Espírito Santo de Deus. Tive de falar com vocês como se vocês fossem crianças na fé cristã. Tive de alimentá-los com leite e não com comida forte, pois vocês não estavam prontos para isso. E ainda não estão prontos, porque vivem como se fossem pessoas deste mundo. " (NTLH - I Coríntios 3: 1 e 2)

Frank Medina   é um jovem pastor, casado, pai de três filhos, reside na cidade de S. Paulo e trabalha na Oracle do Brasil. Foi consagrado como pastor auxiliar em 17/12/2005 pela Igreja Batista O Poder da Palavra, situada ao bairro do Butantã (SP). Se formou no curso de Ministro (Médio em Teologia) em junho de 2003. Há 9 anos tem um ministério de evangelismo, escrevendo mensagens edificantes e enviando por e-mail.

veja também