Culto termina em confusão em igreja evangélica de Belo Horizonte

Culto termina em confusão em igreja evangélica de Belo Horizonte

Atualizado: Terça-feira, 1 Junho de 2010 as 9:35

O culto de uma congregação da Igreja Batista da Floresta terminou em confusão no fim da tarde desta sexta-feira (28), em Belo Horizonte. Por volta das 17h, a Polícia Militar foi chamada para registrar uma denúncia de invasão ao templo, localizado no bairro São Marcos, região Leste da capital mineira.

De acordo com o diácono Marcos Augusto Lima, o pastor vice-presidente da igreja foi até a congregação tirar satisfação por causa de uma ação impetrada na 14ª Vara Cível de Belo Horizonte. Ainda segundo o diácono, a ação, que se deve a divergências administrativas, solicita a desvinculação da sede.

"Ela foi ajuizada na semana passada e nesta sexta-feira, quando a sede ficou sabendo, o pastor de lá foi até o nosso templo de forma arbitrária e quebrou a porta do gabinete, enquanto acontecia o culto no segundo andar. Ele queria tomar a chave do templo para nos expulsar", conta o diácono.

De acordo com Marcos Lima, a congregação decidiu se tornar independente da sede por não depender da mesma. "Todos os dízimos e ofertas arrecadados na congregação vão para a sede. Tivemos que construir o nosso templo com recursos próprios. Depois de 20 anos quisemos nos tornar independentes, mas eles se revoltaram", disse.

Os representantes da sede e da congregação foram levados pela Polícia Militar para a Delegacia Seccional Leste, onde prestaram esclarecimentos. Dezenas de fieis os acompanharam, mas ficaram esperando na porta.

Fontte: O Tempo

Postado por Débora Padoin Malva

veja também