David LaChapelle transforma Michael Jackson em Jesus em sua mais recente exposição

David LaChapelle transforma Michael Jackson em Jesus em sua mais recente exposição

Atualizado: Segunda-feira, 26 Julho de 2010 as 10:48

Habituado a criar polêmica com seus trabalho, o fotógrafo americano David LaChapelle não poupou nem mesmo a figura de Michael Jackson em sua mais recente exposição na cidade de Nova York . Intitulada “American Jesus”, ela traz fotos inéditas do astro pop feitas antes de sua morte, em 25 de junho de 2009, encarnando Jesus Cristo. No retrato “Beatification”, por exemplo, Michael surge de mãos dadas com uma santa.

M no retrato "Beatification" (à esq.), ao lado de uma santa. Na outra

foto, LaChapelle faz envoca a figura de um demônio

Em outra foto, que lembra a mesma forma da obra “A Pietá”, famosa escultura criada por Michelângelo, o cantor é carregado nos braços por um homem de cabelos compridos e barba, numa referência à imagem consagrada de Cristo na maioria das pinturas da época renascentista feitas sobre ele.

A ideia do artista, no entanto, não é somente chocar ao misturar uma personalidade do showbiz com o ícone máximo da religião católica : “Acho que Michael Jackson foi uma espécie de mártir americano. Mártires são perseguidos, Michael foi perseguido. Mártires são inocentes, Michael era inocente”, disse LaChapelle, que foi amigo pessoal de MJ, em entrevista ao site de moda e tendências “WWD” .

Série polêmica: retrato "American Jesus" (à esq.), que dá nome à

exposição; e "Thy Kingdom Come", que fala sobre a questão dos padres

envolvidos com pedofilia

Outro polêmico trabalho que integra essa exposição mostra um Papa (não identificado) sentado em uma cadeira de ouro no topo de uma pilha de objetos valiosos. Ao redor, jazem corpos de garotos nus de braços e pernas amarrados , e olhos vendados. “Não posso condenar toda a Igreja Católica, seria preconceituoso da minha parte. O que eu estou fazendo é apontar uma ironia”, comentou ele na mesma entrevista, quando perguntado sobre essa imagem.

Na mesma galeria também estão expostos retratos da série “Rapes of Africa” , entre os quais há uma foto de Naomi Campbell posando semi-nua numa releitura do quadro “Vênus e Marte”, de Boticcelli. Programa imperdível para quem estiver de viagem marcada a NYC nas próximas semanas.

Naomi Campbell como a Vênus em foto inspirada em pintura de

Botticelli

Serviço:

Exposição “American Jesus”, por David LaChapelle

Até 13 de setembro na galeria Paul Kasmin, em Nova York

Mais informações no site www.paulkasmingallery.com

veja também