David Quinlan e Chama Viva se apresentam na 11ª Festa dos Estados

David Quinlan e Chama Viva se apresentam na 11ª Festa dos Estados

Atualizado: Segunda-feira, 14 Julho de 2008 as 12

Da Redação

O oitavo dia da 11ª Festa dos Estados, 11 de julho, na Igreja Assembléia de Deus do Bom Retiro, em São Paulo, foi marcado pela ministração do pastor David Quinlan e a apresentação do grupo Chama Viva. A alegria e a sede por mais de Deus impulsionaram adoradores de diversas denominações a pularem e exaltarem o nome de Jesus Cristo. Segundo Quinlan, o evento possibilita "pessoas de todas as partes do Brasil a cultuarem ao Senhor de todo o coração, alegria e profetizando para a nação a importância da unidade".

A Festa do Estados atraiu tanto membros de igrejas, quanto pastores da própria Assembléia de Deus.  Um dos convidados, o pastor Queliab Soares, da Assembléia de Deus de Ubatuba, já participa da festa desde o primeiro ano.  Para ele, "o evento é um marco na cidade de São Paulo, na Assembléia de Deus do Bom Retiro e na vida do pastor Jabes Alencar".

Embora seja uma celebração recheada por ministérios de destaque no cenário gospel, como por exemplo PG, Silas Malafaia e David Quinlan, o principal motivo da consolidação do evento, o qual segundo o Pr. Jabes Alencar, já faz parte do calendário do cristão, é a fome e a sede pela presença de Deus. Outro atrativo é a gastronomia diversificada, com "barracas" de comidas típicas de cada estado brasileiro.

Acompanhando o aumento do público, a festa evoluiu em todas as áreas - técnica, profissional, e espiritual. "Temos visto a fome nas pessoas a cada ano crescer. Elas vêm não em razão do artista, mas para um encontro com o Senhor", afirma David Quinlan.

A cada ano o número de pessoas que presencia a festa aumenta. "O interessante é ver a diversidade. A cada dia um público diferente que curte um estilo de música e ministração. É um evento que move o corpo de Cristo e une a Igreja", afirma Tiago Romão, integrante do grupo Chama Viva, o qual se apresentou no início da festa. "Ver o povo adorando e celebrando o nome de Jesus é a melhor coisa que existe".

Foi convidando os cristãos a mergulharem no rio de Deus, com a música "Águas Profundas", que David Quinlan começou a adoração que em pouco tempo contagiou a todos. A alegria de servir a Deus, característica de seu ministério, Paixão Fogo e Glória, foi o principal destaque da noite, que teve presença do público jovem. "O evento é de grande importância para as igrejas evangélicas como um todo e não só para a Assembléia de Deus", avalia Glaube Magalhães, membro da Igreja Presbiteriana de Guarulhos.

Grupo Chama Viva

Existente há cerca de 30 anos, o grupo de louvor Chama Viva após deixar a gravadora e lançar um CD indenpendente em 1997, voltou no ano de 2000 com uma nova formação e um novo direcionamento de Deus, segundo Tiago Romão, "uma visão mais congregacional".

Apoiados pelo ministério do Pr. Jabes Alencar, os 12 integrantres do grupo prevêm para o ano de 2008 a gravação de um CD com o novo estilo adotado. No novo trabalho serão regravados sucessos antigos com uma roupagem mais moderna.

Paralelo as apresentações, o grupo Chama Viva tem dado seminários, ensinando às Igrejas como elevar o nível de adoração. Segundo Tiago, "a adoração começa em casa e não num evento conduzido por um determinado ministério".

veja também