Depois de um encontro com Deus, homem foi liberto do vício

Depois de um encontro com Deus, homem foi liberto do vício

Atualizado: Sexta-feira, 1 Abril de 2011 as 9:51

O alcoolismo é uma doença reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS), desde 1967, que afeta 10% da população do mundo, sem poupar sexo, idade, condição sócio-econômica ou etnia. Porém, o problema não se limita a porcentagem citada acima, mas atinge indiretamente os familiares dos dependentes, que sofrem com a situação de fragilidade do ente querido.

É a situação relatada por Paulo César, que aos  8 anos de idade ficou embriagado pela primeira vez. No entanto, com o tempo, ele não se contentava mais só em beber, passou a usar drogas e, mesmo depois de casado, não conseguia largar o vício.

Cansada de acompanhar o sofrimento do marido, a esposa procurou ajuda na Igreja Universal do Reino de Deus e os dois começaram a frequentar às reuniões no Cenáculo da Fé e, hoje ele está liberto dos vícios e o casamento foi transformado.

Acompanhe esta mudança de vida:  

veja também