Deputado Ruy Muniz defende direito dos estudantes adventistas

Deputado Ruy Muniz defende direito dos estudantes adventistas

Atualizado: Terça-feira, 30 Novembro de 2010 as 9:35

O deputado Ruy Muniz entrou com projeto de lei na Assembleia Legislativa de Minas Gerais para possibilitar aos membros de igrejas adventistas, matriculados na rede pública estadual de ensino, dispensa de exames de avaliação curricular entre o pôr-do-sol da sexta-feira e o pôr-do-sol do sábado.

De acordo com o projeto, para ser beneficiado o aluno deverá, no ato da matrícula, identificar sua condição de adventista por meio de declaração da igreja onde são congregados. Os estabelecimentos de ensino da rede pública estadual de educação definirão, em calendário escolar, os dias em que os alunos adventistas realizarão, em segunda chamada, os exames a que não se submeterem nas sextas-feiras e nos sábados.

  Para Ruy Muniz o projeto de lei visa assegurar aos alunos adventistas o direito ao culto de sua religião, valendo-se das prerrogativas da Constituição Federal.

Para o deputado Ruy Muniz este projeto de lei visa assegurar aos alunos adventistas o direito ao culto de sua religião, valendo-se das prerrogativas da Constituição Federal.

- O projeto não pretende dispensar alunos das atividades curriculares, muito menos quer ferir o direito de igualdade. Nós queremos somente que eventuais provas marcadas para as sextas-feiras, a partir das 18 horas, ou para os sábados, até as 18 horas, sejam transferidos para qualquer outro dia. É uma forma do aluno não ferir os princípios da religião que acredita e ao mesmo tempo cumprir com as obrigações da escola. – defende o parlamentar.

O estudante Moisés Soares de Oliveira será um dos beneficiados pela nova lei. Ele faz o curso de tecnologia e gestão de recursos humanos. Como estudante adventista já se sentiu prejudicado várias vezes.

- Agora mesmo estou precisando de horas de extensão e estes cursos só tem aula no sábado e na sexta à noite. È uma exigência curricular que não posso cumprir por causa da minha religião. Outra dificuldade são os concursos públicos realizados aos sábados. Sempre fico no prejuízo, pois não posso tentar. – desabafa o estudante.

Para o Pastor José Henrique Pereira, da igreja Adventista de Montes Claros, a iniciativa do deputado é admirável. - Em nome de todos da igreja quero agradecer ao Ruy Muniz por ter abraçado esta causa. Ele conquistou ainda mais a admiração dos membros da igreja. Desta forma nenhum estudante adventista será prejudicado nas atividades escolares. – afirma o pastor.  

veja também