Detenções em uma das maiores igrejas do Uzbequistão

Detenções em uma das maiores igrejas do Uzbequistão

Atualizado: Terça-feira, 18 Maio de 2010 as 2:22

Agentes da lei invadiram uma das maiores igrejas da República do Uzbequistão - a Tashkent City Church of Christ. Durante um culto pela manhã, vários policiais e agentes do serviço de segurança nacional chegaram à igreja. Parte deles começou a filmar o serviço, incluindo os rostos das pessoas e a igreja.Após o término do culto, a polícia parou algumas pessoas, pegou suas informações de passaporte e escreveu o nome de todas as crianças e os números de identificação dos carros. Durante o culto, havia cerca de 500 pessoas, sem contar as crianças.Eles confiscaram seis computadores, um scanner, livros, escritos de permissões dos pais, que liberaram seus filhos para irem à igreja, e outros documentos. Os policiais também abriram as caixas de doação. Oito pessoas, entre elas ministros e membros da igreja, foram levadas para o escritório local de assuntos internos da cidade de Tashkent. O assistente do pastor Arthur Avanesian também foi preso. Dois membros da igreja foram detidos por filmar o que estava acontecendo em seus telefones móveis. Os cristãos foram detidos durante a noite e foram proibidos de se reunirem com seus parentes. Eles podem estar sob forte pressão para dar declarações convenientes.Tashkent City Igreja of Christ foi oficialmente registrada em agosto de 1999. Durante o tempo de sua existência, a igreja nunca teve qualquer admoestação, levou a sua atividade de acordo com a lei. Todas as ações da autoridade mostraram que o ataque foi realizado com o objetivo de encontrar razões para fechar a igreja.  

veja também