"Deus me livrou da cama" diz mulher curada na Igreja Mundial

"Deus me livrou da cama" diz mulher curada na Igreja Mundial

Atualizado: Quinta-feira, 3 Fevereiro de 2011 as 2:10

Abençoada na primeira visita à uma Igreja Mundial do Poder de Deus, neste caso, ao Templo dos Milagres, Maria do Socorro Nascimento Gomes, 57 anos, volta a andar durante a reunião do último domingo de Janeiro de 2011.

Acompanhada da filha, Maria Aparecida Gomes, 37 anos, Maria do Socorro emocionada nos conta sua experiência com Deus através deste ministério.

“Eu assistia pela televisão o programa, mas não conseguia ir até uma igreja, porque passei nove meses acamada, com muita dificuldade que só Deus e minha família sabem. Sofri de osteoporose desde meus trinta e dois anos de idade e tive uma fratura óssea por enfraquecimento causado pela doença.

O médico ortopedista que fazia meu tratamento falou que eu tinha seis vertebras quebradas na coluna cervical. Eles acreditavam que nunca mais eu iria andar. Assistia aos programas e os milagres pela televisão, onde pedia a ajuda de Deus. Tenho vergonha de dizer, mas antes, cheguei a pedir a morte de tanta dor. Eu não conseguia me mover sobre a cama, precisava que meus filhos me virassem.

Depois do programa, comecei a beber da agua ungida e a orar todos os dias pela minha cura, sempre acreditando que se um dia pudesse receber oração do Apóstolo, que é homem usado por Deus, voltaria a andar”.

“Fui visita-la em Juazeiro, na Bahia”, conta a filha Maria Aparecida, “pensando em falar para minha mãe sobre o programa da Igreja Mundial do Poder de Deus, porque me lembro o quanto ela estava abalada quando ficou sem andar, mas cheguei lá e encontrei minha mãe diferente, alegre e conhecedora da palavra de Deus.

Fiquei alguns dias com ela e pude ser testemunha de que Deus ouviu nosso clamor. Em poucos dias tomando do copo com água depois da oração feita pela televisão, minha mãe foi melhorando, até que passou a conseguir se levantar da cama e se mover sozinha”.

“Deus me livrou da cama, eu conseguia me mover de novo e andar com as muletas”, continua Maria do Socorro. “Mas eu queria a cura completa e sabia que uma oração do Apóstolo mudaria tudo. Então chamei meus filhos e pedi que me trouxessem até o Templo dos Milagres em São Paulo junto de minha filha quando ela voltasse para São Paulo.

Meu objetivo era chegar aos pés do Apóstolo e ser curada. Quando pedi essa ajuda aos meus filhos, meu esposo questionou a todos nós sobre onde estava o meu Deus que não me curava ainda e eu disse que iria mostrar para ele que existe um Deus no céu que pode todas as coisas e Ele me curou em nome de Jesus”, conclui emocionada, caminhando, saltando e agradecendo a Deus, livre das muletas e das dores nos ossos.  

veja também