"Deus que me ajudou" diz jogadora da seleção feminina de futebol

"Deus que me ajudou" diz jogadora da seleção feminina de futebol

Atualizado: Quinta-feira, 27 Outubro de 2011 as 10:19

Autora do gol que levou a Seleção Brasileira feminina à decisão do futebol nesta terça-feira, quando derrotou o México por 1 a 0, a lateral Maurine conseguiu superar a tristeza sentida nos últimos dias devido à perda de seu pai Brasil Gonçalves, que morreu aos 72 anos na noite do último domingo.

Maurine decidiu ficar em Guadalajara com o incentivo da mãe e companheiras da seleção feminina de futebol, e, fez uma atuação marcante, coroada pelo gol da vitória."E muito grande a emoção, ficar aqui e ajudar o Brasil, quero mandar um beijo especial para a minha família e meu pai. Foi a mão de Deus que me ajudou, tenho certeza", afirmou Maurine, de acordo com o site SRZD, minutos após o jogo, extremamente emocionada.

As brasileiras, que jogaram com uma faixa preta na camisa, em sinal de luto, enfrentaram a altitude da região e ainda uma equipe que contava com o fato de jogar em casa. Depois do falecimento de seu pai, o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) ofereceu auxílio psicológico e passagem aérea para a jogadora retornar ao país, mas ela preferiu ficar em Guadalajara para jogar a semi e a disputa por medalha.

Maurine tomou a decisão, em Guadalajara, com o apoio da família, pois não teria tempo de chegar ao velório do pai no Brasil. Após o anúncio da morte de seu pai, Maurine desabafou em seu Twitter na madrugada de domingo para segunda-feira. Isso fez com que o nome de Maurine figurasse nos Trending Topics da rede de microblogs Twitter. A internauta Paula Dota parabenizou a jogadora:

Paula_Dota: @MaurineDorneles Parabéns Maurine, pela sua grande vitória, apesar desse momento dificil vc foi digna uma grande Brasileira.

  DjRJayBrasil: Bom dia Brasil, parabens a jogadora Maurine do futebol, sabendo da morte de seu Pai aqui no Br e continuou a jogar e ainda fez o gol do jogo.    

veja também